ESTILO DE VIDA

Menarca: será que a idade em acontece tem alguma ligação com a saúde?

A menarca é um momento marcante na vida de qualquer menina. No entanto, se ela ocorre de maneira precoce ou tardia pode alertar sobre algumas doenças

None
A chegada da menarca representa uma grande mudança na vida da mulher. FOTO: Shutterstock.com

por Redação Alto Astral
Publicado em 05/08/2017 às 17:00
Atualizado às 13:59

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Toda a mulher já cresce esperando isso, sabe que cedo ou tarde ela chegará: a menstruação. A primeira vez que ela vem é conhecida como menarca, e significa uma grande mudança na vida e no organismo da menina. Mesmo sendo impossível determinar quando vem, geralmente, acontece entre os 9 e 13 anos de idade. É determinada por fatores como a genética, obesidade e alimentação. Mas e quando ela acontece muito antes do esperado? E se o corpo já esta formado e nada dela aparecer? Será que a idade da primeira menstruação pode indicar algum problema na saúde da mulher? Confira.

Precoce

Quando a menarca acontece antes do esperado, que seria aproximadamente aos 9 anos, a mulher terá mais ciclos menstruais durante a vida, o que a deixará exposta por um tempo maior a hormônios, como, por exemplo, o estrogênio. Ele é responsável por funções importantes, como controlar a ovulação, o revestimento do útero e a manutenção das características femininas, como a forma do corpo e o crescimento dos seios. Porém, essa exposição prolongada pode aumentar os riscos do desenvolvimento de doenças que precisam do estrogênio para acontecerem. Esse é o caso do câncer de mama, de útero, de endométrio e a endometriose.

Assim que a primeira menstruação chega, é importante visitar um ginecologista.

Assim que a primeira menstruação chega, é importante visitar um ginecologista. FOTO: iStock.com

A mesma situação acontece com quem apresenta a menopausa tardia, o que ocasiona também um maior tempo de contato com o estrogênio. Mas quem passa por isso não precisa de muita preocupação, trata-se apenas de uma fator de risco, não de uma certeza absoluta. Um conselho para quem teve a primeira menstruação precocemente é sempre realizar consultas periódicas e adotar hábitos saudáveis. Assim, fica mais fácil prevenir e cuidar de qualquer anormalidade que venha a surgir.

Tardia

É quando a menarca ocorre após os 14 anos de idade e não apresenta risco algum a longo prazo. Mas, pode ser o sinal de alerta para algumas doenças mais sérias. Esse atraso pode significar má formação fisiológica e até mesmo doenças mais sérias, como a desnutrição. Se a menina já está com o corpo formado a mais ou menos 2 anos e ainda não menstruou, é bem provável que esteja passando por alguma anormalidade. “Às vezes, ela tem todos os sinais do ciclo menstrual, como cólicas, mas não há sangue, o que pode indicar alguma malformação que obstrua a saída da menstruação”, alerta a ginecologista Bárbara Murayana.

Texto: Michele Custódio/Colaboradora | Consultoria: Bárbara Murayana, ginecologista

LEIA TAMBÉM: