Mel: conheça os benefícios e saiba como identificar o “mel falso”

Mel é um alimento delicioso, e ainda, faz muito bem para a saúde! Saiba como identificar o mel falso!

None
FOTO: Shutterstock

por Redação Alto Astral
Publicado em 03/06/2016 às 12:56
Atualizado às 21:03

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

O mel é um alimento importante porque auxilia no equilíbrio do processo biológico do organismo humano. Isso ocorre graças às vitaminas, minerais, ácidos e aminoácidos semelhantes a hormônios, de acordo com o apicultor Radamés Zovaro. As principais substâncias presentes no mel são:

Mel: conheça os benefícios e saiba como identificar o "mel falso"

FOTO: Shutterstock

Cálcio

Auxilia na formação e manutenção dos dentes e ossos. Também é importante na prevenção do raquitismo.

Ferro

Combate anemia, principalmente infantil, aumenta o apetite e a disposição física e mental.

Fósforo

Ajuda a melhorar a memória, reduz a fadiga e atua também na prevenção da osteoporose.

Potássio

Fortalece os ossos e dentes e previne cãibras e desnutrição.

Proteínas

Melhora a saúde das células, facilita a digestão, favorece o crescimento e aumenta a imunidade e a resistência do organismo.

Sódio

Combate o cansaço e a fraqueza e sua falta no organismo pode causar anorexia e diarréia.

Vitamina C

Favorece a cicatrização, a absorção de ferro, fortalece o corpo contra infecções e ajuda a reduzir os níveis de colesterol ruim (LDL).

VEJA TAMBÉM

Conheça os principais benefícios do vinho
Feijão branco: conheça os benefícios desse alimento
Benefícios do café para sua saúde
Benefícios surpreendentes do molho de tomate

Tipos de mel

A diversidade e riqueza natural da flora brasileira é um prato cheio para as abelhas prepararem os mais variados tipos de mel, e isso proporciona diversas possibilidades de tratamentos naturais para os consumidores desse alimento poderoso.

Os efeitos terapêuticos do mel são determinados pelas plantas visitadas pelas abelhas. Portanto, existem muitas variedades de mel, dependendo da sua procedência“, explica o apicultor Radamés Zovaro. Confira algumas variedades:

Rosmarinho: recomendado em casos de fadiga e insônia.

Silvestre: é calmante, laxante e desintoxicante. Indicado para melhorar a saúde da pele, o funcionamento do sistema nervoso e as vias respiratórias.

Mel: conheça os benefícios e saiba como identificar o "mel falso"

FOTO: Shutterstock

Como saber se o mel é falso

Confira algumas dicas:

  1. Se o mel não cristaliza depois de alguns meses, com certeza é falso. O original fica “duro” com o tempo;
  2. Fique de olho na consistência: o mel falsificado é mais líquido do que o real;
  3. Coloque algumas gotas de mel em uma folha de papel: se for falso, o mel será absorvido pelo papel imediatamente;
  4. Esfregue um pouco de mel nos seus dedos: o verdadeiro mel é facilmente absorvido pela pele;
  5. Coloque um pouco de mel em um copo com água. O mel de verdade formará um coágulo e cairá no fundo do copo, enquanto o falso será dissolvido rapidamente;
  6. Desconfie se o preço do mel estiver muito barato: ele provavelmente é falso!

Outros alimentos

Além do mel, as abelhas também produzem a própolis e a geléia real. Veja como elas (as abelhas) e os humanos utilizam estes alimentos.

Própolis

As abelhas coletam resinas e bálsamos de alguns tipos de plantas e misturam com cera, pólen e algumas enzimas que elas mesmas produzem, fazendo a própolis. As abelhas utilizam esse material para tapar buracos, envernizar as paredes da colméia e como antibiótico. Os humanos usam como antibiótico natural, contra sinusite, doenças respiratórias, feridas, queimaduras, afecções das cavidades bucais, etc.

Geléia real

É produzida pelas abelhas com idade entre 2 e 5 dias. As abelhas utilizam a geléia real para alimentar as larvas até o 3º dia de vida e como comida exclusiva da rainha durante toda a sua vida. Os humanos consomem para reposição hormonal e como fonte de regeneração celular, por ser a geléia real fonte muito rica de vitaminas, aminoácidos, enzimas e lipídeos.

Mel: conheça os benefícios e saiba como identificar o "mel falso"

FOTO: Shutterstock

O Escolhendo o mel

Você já ficou em dúvida sobre qual mel comprar ou quanto à qualidade do produto? Pois saiba que esta é uma dificuldade muito comum. O apicultor Radamés Zovaro dá a dica. “É importante salientar que o mel puro cristaliza, podendo variar o tempo que demora para cristalizar. Não existe uma padronização do mel, que é diferenciado na cor, sabor, viscosidade, tudo em função da sua origem floral“, esclarece.

Tome cuidado principalmente para não confundir glucose de milho (tipo Karo) com o néctar produzido pelas abelhas.  Embora tenham consistências parecidas, são alimentos totalmente diferentes.

5 motivos para consumir mel

  1. Antioxidante: Previne tumores cancerígenos e minimiza a ação dos radicais livres, causadores do envelhecimento precoce;
  2. Antisséptico e microbiano: Combate bactérias e fungos, previne infecções e acelera a cicatrização de feridas e machucados;
  3. Energético: Aumenta a resistência física e garante energia ao corpo;
  4. Regulador intestinal: Melhora o funcionamento do intestino, prevenindo a prisão de ventre;
  5. Vias respiratórias: Trata infecções e irritações das vias respiratórias.

Texto: Leire Bevilaqua e Melissa Marques 

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.