Medicamento para Alzheimer em forma de adesivo é distribuído pelo SUS

Uma novidade para quem convive com o Alzheimer veio para trazer mais conforto e qualidade de vida! Vem saber mais sobre esse medicamento!

None
FOTO: Istock.com/GettyImages

por Redação Alto Astral
Publicado em 01/02/2017 às 08:45
Atualizado às 13:18

Uma novidade para quem convive com o Alzheimer – problema que atinge em média 1,2 milhão de pessoas em todo o mundo -, veio para trazer mais conforto e qualidade de vida! Um medicamento contra a doença em forma de adesivo para a pele passou a ser distribuído pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Lembrando que a doença é degenerativa e não tem cura (e pode causar perda de funções cognitivas). No entanto, caso seja diagnosticada precocemente, seu avanço pode ser retardado ou, ainda, controlado, o que melhora significativamente a qualidade de vida do paciente.

mulher-tomando-remedio-alzheimer-medicamento-pesquisa

FOTO: iStock.com/Getty Images

Mas que medicamento é esse?

Chamado rivastigmina adesivo transdérmico, ele libera pouco a pouco o princípio ativo da rivastigmina ao longo do dia, levando-a diretamente à corrente sanguínea, sem passar pelo sistema digestivo. Com isso, o adesivo diminui efeitos colaterais como náuseas, vômitos e perda de apetite, característicos do Alzheimer. O adesivo deve ser aplicado sobre a pele do portador da doença uma vez ao dia é é distribuído gratuitamente pelo SUS.

LEIA TAMBÉM

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.