ESTILO DE VIDA

Boxe: perca até 800 calorias por aula e mantenha a boa forma!

Se você tem a impressão de boxe é um esporte violento, esqueça! Boxe é uma luta que te ajudar a emagrecer, 800 calorias por aula, e a manter a boa forma!

None
FOTO: iStock

por Redação Alto Astral
Publicado em 26/09/2016 às 13:25
Atualizado às 14:44

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres
O Boxe, ou pugilismo, é uma das lutas mais eficazes e abrangentes no que diz respeito à boa forma. No combate, os lutadores usam apenas os punhos tanto para defesa quanto para ataque, mas durante os treinos é trabalhada toda a parte cardiorrespiratória e resistência muscular, desenvolvendo a força. Além disso, é possível perder até 800 calorias em apenas uma aula do esporte! Quer saber mais? Conversamos com profissionais que explicaram como funciona uma aula para você não ter dúvidas na hora de começar a treinar!
mulher batendo no saco de pancada com luva de boxe

FOTO: iStock

Treinamento pesado

A boa forma dos pugilistas não é à toa, já que o treinamento para lutar boxe é puxado.
• A aula começa com aquecimento e condicionamento, preparando o corpo do aluno para o treino principal mais intenso. “O aquecimento deve durar cerca de 5 a 10 minutos no caso de treino de 60 minutos, para soltar os músculos e tendões e evitar lesões durante o exercício”, explica Fernando Salles, fisiologista e preparador físico.
• No condicionamento físico são dados exercícios com as características dos gestos esportivos usados durante as lutas, como pular corda, correr, fazer tiros curtos de corrida e abdominais.
• O treinamento de força envolve exercícios de técnica para ensinar aos alunos novos movimentos. “O praticante de boxe deve ser estimulado a treinar membros superiores para desenvolver os socos e golpes; membros inferiores para desenvolver as passadas de deslocamento, e resistência para manter uma boa estabilidade do corpo durante os golpes, para suportar os ataques adversários”, ensina Luiz Barros, educador físico.
• Por último são realizados os exercícios aeróbios ou circuitos, que são a base do treino de resistência que todos os boxeadores praticam para aguentar uma luta inteira. E há quem diga que esses são os exercícios mais árduos e importantes! É nessa hora que os alunos praticam a técnica, melhoram a resistência e fortalecem o corpo inteiro. Os equipamentos como luvas, escudos alvo e sacos pesados são utilizados nessa hora.

+ sobre a aula

Se você pensa em lutar mas tem medo de se machucar, saiba que existe contato físico, sim, durante as aulas, porém, nada de bater ou apanhar de alguém! Os treinos são feitos em sacos de pancadas parados, ou então em outro aluno com total proteção para ninguém se ferir. Conforme o aluno vai avançando na técnica e percorrendo novos desafios, ele treina com um oponente em movimento que reage aos golpes, favorecendo o aprendizado global e o tempo de ação do boxe, definindo quando atacar e quando defender. Um iniciante pode praticar de 2 a 3 vezes por semana.

Benefícios para o corpo

Além de promover a perda de peso , o boxe melhora a postura, reforça o abdômen, a coluna lombar, desenvolve a musculatura das pernas, ombros e costas. O treinamento também beneficia o condicionamento cardiorrespiratório e físico, aumentando agilidade, força e flexibilidade. Outros benefícios são sentidos com o treino, como coordenação motora, aumento da percepção de tempo e espaço, diminuição do estresse, concentração, equilíbrio emocional, disciplina, aumento da autoconfiança e conhecimentos de defesa pessoal.
FONTE: Fernando Salles, fisiologista e preparador físico da rede Peralta Academia de São Paulo, Luiz Barros, educador Físico e professor na rede Mix Trainer
LEIA MAIS