Lago Nahuel Huapi: o paraíso em Bariloche

Aproveitar as belas paisagens emolduradas pelo Lago Nahuel Huapi é uma obrigação de quem visita Bariloche. Reserve um dia para curtir esse passeio

None
FOTO: Shutterstock Images

por Wanessa Bighetti
Publicado em 08/08/2016 às 09:51
Atualizado às 14:03

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Aproveitar as belas paisagens emolduradas pelo Lago Nahuel Huapi é uma obrigação de quem visita Bariloche. Você pode reservar um dia de sua estadia para curtir esse passeio.

Circuito Chico

Circuito Chico, um city tour com quase quatro horas de duração, no qual você percorre 65 km da margem sul do lago Nahuel Huapi, é uma excelente opção de passeio para quem quer conhecer um pouco mais a cidade e se deslumbrar com as belas paisagens do local.

Entre as atrações da rota, você vai conhecer o Cerro Canário, um dos mirantes mais lindos da região que vai render fotografias incríveis. Seguindo viagem, o caminho percorre toda a Avenida Bustillo, até chegar ao resort Llao Llao.

Atenção às paradas nas famosas lojinhas de rosa-mosqueta – que apesar da diversidade de produtos, apresentam preços mais salgados do que os estabelecimentos do centro onde você encontra as mesmas mercadorias.

O belo lago Nahuel Huapi

FOTO: Shutterstock Images

Como visitar

As agências costumam oferecer o passeio em dois horários: por volta das 9h e das 15h. Vá de manhã, assim você aproveita melhor o seu dia. Além dos tours oferecidos pelas agências de turismo, é possível fazer o passeio por conta própria, em um carro alugado ou mesmo nos ônibus de linha que saem do centro com destino ao Hotel Llao Llao.

Leia também:

Bariloche: melhores atrações turísticas

Cerro Catedral: o melhor lugar de Bariloche para esquiar

Bariloche: Rota dos Sete Lagos é imperdível

Nahuel Huapi de barco

Voltando à Bariloche, aproveite o período da tarde e explore de barco o lago Nahuel Huapi em um passeio que parte de Puerto Pañuelo e passa pelo cinematográfico Bosque dos Arrayanes (que teria inspirado o cenário da animação Bambi, de Walt Disney) e pela não menos interessante Isla Victoria.

Ao fundo, a Cordilheira dos Andes e como companhia um grande número de gaivotas que vêm até as mãos dos passageiros pegar biscoitos.

A melhor forma de conhecer esses lugares é por meio de passeios organizados por agências.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.