ESTILO DE VIDA

Insulina: saiba qual é sua função e quando repor!

a insulina é produzida pelo próprio organismo, porém, quando ocorre uma falha, é preciso aplicar esse hormônio para controlar a glicemia.

None
FOTO: Shutterstock Images

por Redação Alto Astral
Publicado em 05/08/2016 às 18:50
Atualizado às 21:01

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

O corpo humano é dono de um mecanismo perfeito, capaz de produzir uma série de substâncias que ele mesmo utiliza. Uma delas é a insulina: responsável por controlar as taxas de açúcar no organismo, o que significa uma distribuição ideal de energia para a realização das mais diferentes atividades corporais.

Insulina ajuda a manter a glicemia estável

FOTO: Shutterstock Images

Afinal, o que é a insulina?

“Insulina é um hormônio produzido pelo pâncreas, sendo responsável pelo controle do açúcar (glicose) no sangue. No diabetes, ocorre a produção insuficiente de insulina ou ela funciona de forma inadequada, impossibilitando que as pessoas com a doença utilizem o açúcar como fonte de energia”, explica o endocrinologista Paulo Rizzo Genestrite. Embora o assunto seja bastante discutido pelos diabéticos, ainda existe uma série de dúvidas que acercam a insulina.

SAIBA MAIS:

Confira 10 alimentos que combatem o diabetes

Arroz integral é uma arma contra o diabetes

Grávidas de meninos têm mais chances de terem diabetes

Quando é preciso repor?

Tanto o diabetes tipo 1 quanto o tipo 2 estão relacionados às ações da insulina no organismo. “Ela é indicada quando há um problema na produção a ponto de impossibilitar o controle adequado da doença. Assim, no tipo 1, sempre será necessária; e no tipo 2, quando as mudanças no estilo de vida e medicações não forem suficientes para controlar a situação. Existem casos, principalmente quando diagnósticos feitos precocemente, que a mudança no estilo de vida pode administrar a doença”, reforça o clínico geral Paulo Camiz.

Texto: Paula Santana

Consultoria: Paulo Camiz, clínico geral; Paulo Rizzo Genestrite, endocrinologista