ESTILO DE VIDA

Insônia: saiba o que está relacionado às noites mal dormidas!

Alguns fatores podem colaborar para que a insônia apareça ou até mesmo surgirem decorrentes desse mal. Saiba mais sobre cada um deles!

None
Foto iStock.com/Getty Images

por Redação Alto Astral
Publicado em 21/09/2016 às 22:05
Atualizado às 20:57

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Muitas pessoas sofrem com a correria do dia a dia e com a rotina estressante, o que pode levá-las a desenvolver insônia. Segundo o Instituto do Sono, esse distúrbio caracteriza-se pela dificuldade de iniciar o sono ou acordar muitas vezes durante a noite e não conseguir voltar a dormir, trazendo consequências no dia seguinte. Porém, o que elas não sabem é que outros problemas podem servir como fatores para que a insônia apareça ou até mesmo surgirem decorrentes desse mal. Saiba mais sobre cada um deles e procure um médico caso você perceba que isso está acontecendo com você!

mulher com insônia contando carneirinhos

Foto iStock.com/Getty Images

Apneia

O que é: ausência de fluxo de ar para os pulmões que pode ser causada por doenças neurológicas, musculares e por obstrução das vias aéreas por corpo estranho ou estruturas que compõe as vias aéreas, como a língua, cordas vocais e traqueia. Outra causa de apneia é o uso abusivo de álcool ou drogas que afetam o sistema nervoso central.
Como tratar: o seu tratamento depende da causa. Se o problema for com a língua, a pessoa usa o aparelho de CPAP, que é composto por uma máscara e um compressor que envia o fluxo de ar para dentro dos pulmões com pressão positiva, ou de cirurgia que remove estruturas da parede das vias aéreas para ampliar o canal de entrada do ar.

Sonambulismo

O que é: distúrbio que ocorre durante o sono mais profundo, quando a pessoa se levanta, anda e geralmente faz atividades da vida diária, mas sem consciência, pois está dormindo. Normalmente, ocorre mais em homens, e a incidência é maior na infância.
Como tratar: através de psicoterapia e de mudança de hábito, como não fazer exercício físico à noite. Em alguns casos são indicadas algumas medicações, principalmente quando o sonambulismo traz risco de vida para a pessoa.

Narcolepsia

O que é: distúrbio com queixa de sonolência excessiva durante o dia, com ataques de sono, com ou sem episódios de cataplexia, isso é, perda de força muscular associada à emoção, principalmente o riso.
Como tratar: através de psicoterapia e medicações, que podem ser estimulantes do sistema nervoso central ou antidepressivos no caso de cataplexia, se necessário.

Leia também:

Bruxismo

O que é: uma contratura da musculatura da face e das mandíbulas que pode ser contínua ou intermitente e ocorre durante o sono, provocando um som característico parecido com o ranger dos dentes. Geralmente, está associado ao estresse e depressão com ansiedade.
Como tratar: utilizar uma placa de silicone para proteção do esmalte dos dentes e uso de relaxantes musculares.

Síndrome das pernas inquietas

O que é: distúrbio neurológico que provoca o movimento das pernas durante o sono. Por causar o despertar durante a noite, que pode gerar ansiedade e depressão, ela prejudica a saúde do paciente e é capaz de levar a um quadro de insônia.
Como tratar: através de psicoterapia, exercícios físicos e uso de medicação.

Consultoria Custódio Michailowsky, neurologista; Alberto Jorge Remesar Lopez, médico psiquiatra especialista em distúrbios do sono