3 hábitos que pareciam saudáveis, mas podem ser cilada

Existe uma série de hábitos que pensamos ser saudáveis, contudo, na verdade, eles podem ter o efeito contrário do esperado. Confira 3 deles!

None
Foto: PureStockX

por Redação Alto Astral
Publicado em 18/01/2017 às 13:14
Atualizado às 13:10

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Existe uma série de hábitos que pensamos ser saudáveis, contudo, na verdade, eles podem ter o efeito contrário do esperado. Apesar de a saúde ser prioridade para a maioria das pessoas, algumas seguem recomendações capazes de comprometer a qualidade de vida. Pensando nisso, listamos 3 hábitos que não fazem tão bem assim para o organismo e que, por isso, talvez seja melhor repensá-los.

mulher comendo frutas morangos habitos

Foto: iStock.com/Getty Images

1. Substituir o jantar por frutas

Um dos desejos mais fortes entre os brasileiros é o de emagrecer, ainda mais porque mais da metade da população está com sobrepeso (segundo dados do Ministério da Saúde). Com esse objetivo em mente, muitas pessoas acabam adotando hábitos que prometem a redução de medidas, como substituir o jantar por frutas. Entretanto, o efeito pode ser o contrário, pois as frutas possuem hidratos de carbono, substâncias que são fontes de energia, ou seja, é melhor consumi-las quando estiver ativo – não perto da hora de dormir. Portanto, o melhor é comer frutas logo pela manhã.

2. Tomar apenas leite desnatado

Apesar do consenso geral ser de que a versão desnatada é mais saudável que a integral, um estudo publicado no Scandinavian Journal of Primary Health Care mostrou um outro ponto de vista: a ingestão de bebidas lácteas ricas em gordura está relacionada com um risco menor de desenvolver obesidade. Uma possível explicação é que os produtos integrais saciam mais, além de essas bebidas terem um efeito adicional na regulação do peso.

maos lavando habitos comuns

Foto: PureStockX

3. Lavar as mãos com sabonete antibacteriano

Você costuma lavar suas mãos apenas com água e sabão comum ou utiliza produtos antimicrobianos? De acordo com uma pesquisa realizada na Universidade de Harvard (nos Estados Unidos), o uso de produtos específicos contra bactérias pode aumentar o risco de doenças alérgicas. E não para por aí: essa medida ainda favorece o desenvolvimento de bactérias resistentes aos antibióticos.

LEIA TAMBÉM: