ESTILO DE VIDA

Tireoide: veja o que pode desregular a glândula!

O que você come pode implicar diretamente no funcionamento da glândula da tireoide. Principalmente, a carência de alguns nutrientes. Confira!

None
Foto Shutterstock.com

por Redação Alto Astral
Publicado em 03/10/2016 às 19:03
Atualizado às 20:57

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

“Entre as principais causas de problemas do funcionamento da glândula da tireoide está uma dieta desregulada, carente no consumo de iodo, além de outros nutrientes, como o selênio e o zinco”, explica a nutróloga Paula Cabral. Por isso, a importância de saber os nutrientes capazes de ajudar o corpo contra o hipotireoidismo. Entretanto, vale lembrar que para tratar a doença é necessária reposição hormonal, uma vez que a glândula não produz essas substâncias regularmente.

castanhas-do-para

Foto Shutterstock.com

Selênio

É um mineral encontrado em quase todas as células do corpo e que garante melhor funcionamento da tireoide, além de atuar como antioxidante. Está presente em aves, carnes vermelhas e castanha-do-pará.

Iodo

Necessário para os hormônios produzidos na tireoide. A razão para isso é o fato da substância controlar a conversão do hormônio inativo em ativo, juntamente com os minerais selênio e zinco. Você encontra o componente em algas, frutos do mar, óleo de peixe, leite e derivados.

Leia também: 

Zinco

Possibilita o aumento da produção dos hormônios da glândula. E também funciona como uma espécie de cimento entre a parede celular, sendo útil no processo de cicatrização. As fontes da substância são: camarão, sardinha, carne vermelha e leguminosas.

Consultoria Paula Cabral, nutróloga