ESTILO DE VIDA

Conheça os fatores que influenciam seus clientes na hora da compra

Aprenda a agir de modo certeiro e a conquistar o cliente na hora da compra. São orientações simples que podem melhorar, e muito, seu negócio!

None
O bom atendimento ao cliente pode ser um dos seus diferenciais | Foto: Shutterstock

por Lirian Coelho
Publicado em 24/05/2017 às 13:08
Atualizado às 17:54

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Concorrer com as prateleiras dos supermercados não é fácil, mas a venda de itens caseiros pode ter muitos diferenciais positivos; o produto sem muitos conservantes, a receita personalizada e, principalmente, o tato com o cliente. A impessoalidade de grandes mercados faz com que o vendedor de delícias artesanais conquiste o consumidor e o conquiste na hora da compra. Contudo, o oferecimento de produtos deve ser feito com atenção, sem invadir a privacidade do cliente. Confira essa e outras dicas para arrasar nas vendas!

Se liga no visual!

O vendedor deve se preocupar com a aparência pessoal (unhas limpas, cabelos presos), o tom de voz, a roupa e até a bolsa ou carrinho em que carrega os seus produtos. A higiene deve estar sempre impecável, pois não adianta somente cuidar da limpeza da sua cozinha se passa outra impressão com a sua imagem.

Inove o seu negócio

Atraia clientes usando diferenciais no seu negócio. Pode ser uma embalagem exclusiva criada por você, entregas no período noturno ou até mesmo receitas sob medida para pessoas solteiras. Outra novidade pode ser vender por assinatura, isso acontece com bolos caseiros e pães, por exemplo. .Funciona assim: o cliente paga um valor mensal e você entrega os produtos nas datas combinadas.

Invista em você

Técnicas de venda podem e precisam ser aprimoradas a cada dia e isso você pode aprender em cursos e workshops sobre marketing e vendas. Vale a pena investir nesse tipo de conhecimento que pode alavancar seu negócio! Hoje em dia há opções de cursos rápidos presenciais e até online. Uma dica é começar pelo site do Sebrae que oferece cursos gratuitos a distância.

mulher sorrindo tirando cookies do forno

Fazer o que gosta, influencia diretamente no resultado do trabalho | Foto: Shutterstock

Fazer com paixão

Só comece a fazer e vender produtos se você realmente gosta disso. Caso contrário, perderá facilmente o interesse no negócio e o cliente poderá notar. Da mesma forma que o consumidor perceberá a sua dedicação se você for apaixonado pelo o que faz. Além disso, ter interesse no ramo ajudará no seu crescimento através da análise dos concorrentes, lendo artigos e participando de feiras, por exemplo.

Locais de venda

Antes de começar a vender, vale a pena fazer uma pesquisa das melhores maneiras e lugares para comercializar seu produto. Se é de porta a porta no seu bairro, no comércio, em bares e cafés, feiras livres, fazendo visitas em empresas ou se é oferecendo para hotéis e restaurantes, por exemplo. Se há dúvidas sobre onde há mais clientes, faça um teste em cada tipo de local oferecendo os mesmos produtos. Anote tudo o que vendeu e os produtos que não tiveram muita saída. Depois, é só analisar onde terá o melhor lucro. Lembre-se de calcular o gasto que terá até o local de venda e verifique se vale a pena, por exemplo, vender em empresas distantes da sua residência ou na vizinhança.

LEIA TAMBÉM