10 dicas para estimular os estudos durante o isolamento

Não deixe a rotina de aprendizado para trás, aprenda como estudar em casa de um jeito simples e fácil para continuar engajado e sem distrações

None
Foto: Pexels

por Vítor Ferreira
Publicado em 03/04/2020 às 16:30
Atualizado às 14:05

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Com as instituições de ensino fechadas graças a pandemia de coronavírus, estudar em casa se tornou a única alternativa viável para não sair da rotina e manter o aprendizado em dia. Apesar de esse ser um período de maior preocupação para os alunos que em breve farão exames seletivos, muitas escolas continuam dando aulas por meio de plataformas on-line.

Outro ponto que deve ser explorado nessa fase é de aproveitar o excesso de tempo ocioso para dominar novas competências. Habilidades diferentes podem ser trabalhadas, como a disciplina, organização, autonomia e administração, por exemplo. “São características bastante necessárias no mercado de trabalho, independentemente da área escolhida pelo profissional”, comenta o coordenador do Ensino Médio do Colégio Marista Santa Maria, Sandro Anselmo Coelho.

Confira algumas orientações que podem te ajudar a estudar em casa

Local adequado 

O ambiente ajuda na concentração, então é importante reservar um espaço para estudar, com iluminação adequada e sem ruídos, se possível. Tenha em mãos os materiais necessários, como canetas, lápis, calculadora e garrafa de água para evitar a interrupção dos estudos.

Planeje-se 

Tenha um plano de estudos para distribuir o tempo e o conteúdo de forma efetiva. Em geral, a escola fornece o planejamento da semana ou propõe a distribuição das aulas e exercícios que devem ser realizados para o período. Vale utilizar uma agenda também para manter a organização.

Não perca o ritmo

Cumprir uma rotina de estudos é importante para ter ritmo e disciplina. Se puder continuar estudando em casa no mesmo horário em que ia para a escola, melhor ainda.

Tire um tempo para si

Parar periodicamente é importante para manter a produtividade e a atenção. Assim como as aulas têm tempo determinado, pausas a cada 40 minutos, em média, são benéficas. A técnica pomodoro por exemplo, prevê tempos de foco e de pausas curtas e longas, para oxigenar o cérebro e manter o desempenho em alta.

Tecnologia a seu favor

Existem diversos aplicativos para controlar o tempo e ajudar no foco e produtividade.

Compartilhe dúvidas

Compartilhe dúvidas com os colegas e aproveite os fóruns ou outros canais de comunicação com professores. Apesar do isolamento físico, a tecnologia nos conecta mais do que nunca e é essencial tirar o melhor proveito disso.

Mapas mentais

Criar um mapa mental da ordem de conteúdos é uma maneira de sintetizar o que foi estudado, de maneira visual. Fazer esquemas de tópicos, com flechas e organogramas, ajuda a fixar a informação, pois tanto o lado racional como o criativo do cérebro são acionados.

Leia mais

Aproveite o tempo em casa para ler as obras específicas dos últimos vestibulares das universidades que mais deseja. Mesmo que um determinado título não esteja na lista para 2021, o repertório ajudará na argumentação e na produção textual.

Pratique o autoconhecimento

Identificar o período em que o estudo rende mais e a concentração está em alta é importante para a produtividade. Algumas pessoas conseguem focar mais à noite, enquanto outras rendem melhor pela manhã. Aproveitar o período em casa para testar e se conhecer pode melhorar e muito o seu aproveitamento.

Não se distraia

Há quem diga que estudar em casa ouvindo música, ou com a TV ligada ajuda, mas isso aumenta e muito a chance de interrupções no estudo e na compreensão do conteúdo. O mesmo acontece com os celulares e suas notificações. Se o ambiente for barulhento, uma boa dica é ouvir músicas específicas para concentração ou instrumentais, disponíveis na internet.

Leia também:

TAGS

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.