ESTILO DE VIDA

9 principais erros cometidos na rotina de treinos em casa

Cometer erros no treino é algo que acontece. No entanto, é preciso ter cuidado para não repetí-los. Saiba quais são os principais e como evitá-los

None
Foto: Shutterstock

por Giulianna Lombardi
Publicado em 24/04/2020 às 16:14
Atualizado às 16:14

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Praticar exercícios em casa pode ser uma ótima maneira de fugir do sedentarismo, do sobrepeso e, ainda, ganhar mais qualidade de vida e bem-estar. No entanto, com a falta de instrutores é preciso redobrar a atenção na hora de fazer os movimentos e cuidar do corpo, principalmente se está é uma rotina nova para você. Para te ajudar a correr de problemas advindos da má prática de atividades físicas, nós separamos alguns dos principais erros no treino para evitar.

Não cometa mais erros no treino dando atenção à esses pontos

Falta de regularidade

Com certeza esse é um dos principais problemas enfrentados por quem começa uma rotina de exercícios em casa. Com tantas coisas para fazer e dar atenção – filhos, limpeza, trabalho, família – fica difícil encaixar um tempinho diário para manter o objetivo de se exercitar mais.

Por isso, uma dica é reservar pelo menos alguns minutos para focar somente nisso e fazer dessa situação um compromisso consigo mesma e sua própria saúde, tanto física quanto mental. O ideal é descansar cerca de dois dias na semana e evitar hábitos de compensação, caso não consiga realizar sua meta.

Preste atenção nas suas dores

Ignorar as dores nas articulações pode vir a se tornar um problema gigante no futuro. Caso sinta algum incômodo durante ou depois das atividades físicas, reavalie a forma como está fazendo os exercícios e, se for necessário, busque ajuda de especialistas. Sentir dor nas articulações é sempre um alerta para rever sua postura!

Sobrecarregar os músculos

Sempre procure alternar a sua a prática trabalhando diferentes músculos durante o treino e evitando repetir os mesmos exercícios no dia seguinte. Analise bem se aquilo que você está malhando não trabalha a mesma área de outros movimentos que está fazendo.

Respeite seus limites

Comece pelo simples e vá elaborando as sequências com o tempo, principalmente se não está acostumada a fazer exercícios diariamente ou algumas vezes por semana. E cuidado ao ver a empolgação dos instrutores de aulas online. Esses profissionais provavelmente trabalham com isso há anos e tem um preparo muito superior ao da maioria de nós, está tudo bem não aguentar fazer tudo o que eles conseguem. Vá no seu tempo e no seu ritmo.

Ilustração de pessoa fazendo yoga

Ilustração: Pexels

Durma bem

Dormir oito horas por dia é mais do que necessário para manter a qualidade de vida. Além disso, descansar menos do que o recomendado pode fazer com que você não tenha disposição para os treinos e resolva desistir deles rapidamente. O corpo funciona de forma mais lenta e os resultados tão esperados demoram mais a chegar.

Segurança acima de tudo

Nada de treinar perto de objetos com vidro que podem ser facilmente derrubados, em pisos escorregadios e lugares sem nenhuma ventilação. Para arranjar mais espaço, caso necessário, procure afastar os móveis e retirar qualquer objeto que ofereça perigo. Abrir as janelas também é essencial para que a temperatura do corpo não se eleve a ponta de causar mal-estar.

Não esqueça de se aquecer

Um dos erros no treino mais comuns é o de achar que pode pular o aquecimento e o alongamento. Para não causar danos nas articulações é extremamente necessário preparar essas regiões para as atividades de maior impacto que estão por vir. Quando essa etapa da rotina de exercício é esquecida, lesões de todos os tipos podem acontecer.

Alimentação ehidratação

Esteja atenta com as refeições feitas no pré-treino e tenha a certeza de que não irá malhar de estômago vazio ou em jejum de muitas horas. Uma boa opção é fazer a ingestão de algum carboidrato de fácil digestão antes de começar a se exercitar e beber cerca de 500ml de água uma hora das práticas. É importante também a hidratação a cada 20 minutos durante os exercícios.

Aumentar a velocidade durante as repetições

Aumentar a velocidade dos movimentos quando estiver fazendo a série de exercícios pode causar fadiga muscular e ainda fazer com que os treinos não sejam tão efetivos, porque não estará trabalhando os músculos na hora correta. Reveja a quantidade de peso que está pegando para não ficar tão cansada a ponto de querer terminar logo as práticas e não realizá-las de forma correta.

Leia também: