Como a educação na infância pode influenciar em nossas perspectivas?

Agarrados à crença de que a única maneira “correta” de viver é seguir os passos de outro superior, as crianças podem se restringir à poucas perspectivas

None
FOTO: Vinicius Tupinamba/Shutterstock

por Redação Alto Astral
Publicado em 07/10/2016 às 17:05
Atualizado às 13:23

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Nascer, crescer e voar. Experimentar tudo o que a vida pode ofertar, viajar, dar a volta ao mundo, aprender e tornar-se alguém. Esses podem ser os mandamentos para muitas pessoas que buscam se aventurar, enfrentar desafios e viver sem medo. Porém, muitos não conseguem nem imaginar algo parecido. Agarrados à crença de que a única maneira “correta” de viver é seguir os passos de outro superior, frequentemente, dos pais, se restringem à poucas perspectivas diferentes.

crianças de uniforme na escola, perspectivas e objetivos

FOTO: Vinicius Tupinamba/Shutterstock

Exemplos simples como a criança que brincava com a maquiagem da mãe e, ao crescer, passa a utilizar  os mesmo produtos; ou crianças que seguem a religião dos pais, frequentam os mesmo supermercados e até moram na mesma casa. Para esses indivíduos, não há espaço para mudança, para inovação – é confortável, familiar. Crianças buscam exemplos de comportamentos para seguir e encontram no mais próximo, os pais. O que há de errado nisso? Nada. O problema é quando os pais repassam que apenas aquele modo é o correto, deixando as crianças crescerem apenas com uma visão do mundo.

LEIA TAMBÉM

Texto: Nathália Piccoli Edição: Angelo Matilha Cherubini

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.