ESTILO DE VIDA

A dor nas costas pode ter diversas causas e sintomas. Confira!

A dor nas costas pode ser mais do que você pensa. Muitos problemas podem surgir a partir desse sintoma tão comum. A seguir você confere alguns deles!

None
O peso inadequado que a coluna carrega resulta nas dores Foto: shutterstock.com

por Redação Alto Astral
Publicado em 03/09/2017 às 11:00
Atualizado às 14:03

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Ela pode ser fraca ou forte, recorrente ou esporádica, generalizada ou focal, mas uma coisa ela sempre é: incômoda. A dor nas costas não escolhe idade ou sexo, podendo aparecer a qualquer momento. Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 85% da população mundial tem algum tipo de dor nesta região. O número é alto e pode gerar preocupação, no entanto, a maioria dos casos pode ser tratada em curtos períodos.

mulher

Músculos, articulações, nervos e discos são os principais envolvidos no desconforto. FOTO: Shutterstock.com

Envelhecimento, com o consequente desgaste da coluna, excesso de peso, falta de fortalecimento da região lombar e má postura são as principais causas do incômodo. “Quando a pessoa assume uma postura incorreta em atividades cotidianas, acaba sobrecarregando músculos e ligamentos. Essa carga inadequada leva a quadros dolorosos e, lentamente, vai degenerando discos e articulações, gerando quadros de dor crônica”, explica o ortopedista Marco Antonio Ambrósio. A dor nas costas pode ser resultado dos problemas abaixo:

Lombalgia

Caracteriza-se por um incômodo na região lombar, a mais baixa da coluna, acima do quadril. É a famosa “dor nos quartos” que não chega a ser uma doença, e sim um tipo de dor que pode ter várias origens sendo a hérnia de disco e a falta de fortalecimento muscular (que gera a sobrecarga de peso na região) as causas mais recorrentes.

Na maioria das vezes, a lombalgia não é grave, mas gera desconforto ao andar, sentar, fazer exercícios ou após muitas horas em pé. Uma conversa com o ortopedista basta para diagnosticar o problema, porém, uma radiografia pode ser requerida para a confirmação da análise.

 mulher com dor

Problemas que envolvem colunas e dor nas costas são mais comuns na terceira idade, porém, os jovens  estão sujeitos a passar por isso FOTO: Shutterstock.com

Cervicalgia

No extremo oposto da coluna lombar, está a coluna cervical. Má postura ao ler, usar o computador e dormir, além da contração muscular devido a momentos de tensão são as principais causas da dor que atinge esta região, chamada de cervicalgia.

Desconforto ao mover o pescoço e os ombros são os principais sintomas. Também não se caracteriza uma doença e sim uma dor que pode se tornar crônica. O diagnóstico é feito por meio de um exame de raio-x ou uma conversa com o ortopedista, relatando os sintomas.

Lordose e escoliose

O diagnóstico de um desses problemas não significa que haja alguma doença, e sim uma curvatura anormal na coluna. Tal alteração pode ou não refletir em dores nas costas mas, na maioria das vezes, o desconforto é causado pelas consequências que essa curvatura causa nas vértebras, discos e articulações.

Consultoria Anderson Moreira da Rocha, reumatologista e acupunturista;  Marco Antonio Ambrósio, ortopedista

LEIA TAMBÉM: