Dicas para ser bem-sucedida no amor e ter um relacionamento feliz

Não existe fórmula mágica ou receita de bolo, mas algumas atitudes podem garantir o seu sucesso na vida amorosa: saiba como ser bem-sucedida no amor!

None

por Redação Alto Astral
Publicado em 08/11/2016 às 15:50
Atualizado às 14:35

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

O que é ser bem-sucedida no amor? Provavelmente você já se fez essa pergunta e, inclusive, quis saber essa tal fórmula para ser feliz nos relacionamentos. Porém, respondê-la não é assim tão simples, e isso se dá porque cada pessoa tem suas próprias crenças a respeito do que é o amor e de como ele deve fazer parte da vida.

Mas, para te ajudar a percorrer esse caminho até a realização amorosa, conversamos com a psicóloga Ana Cristina Castro Azevedo Gato Rosa, que falou sobre questões importantes do relacionamento a dois.

casal feliz. Homem beijando rosto da namoranda enquanto ela sorri

FOTO: Shutterstock

Saber aceitar os defeitos do outro

Os primeiros meses de um relacionamento são sempre lindos e leves. Vocês estão apaixonados e tudo o que você consegue ver é que seu companheiro é  lindo, dedicado e atencioso. Você acredita ter encontrado o amor da sua vida. Até que os meses começam a passar e vocês começam a perceber que nem tudo são flores.

A mania dele de deixar a toalha em cima da cama começa a te irritar e o fato de você demorar 40 minutos para secar o cabelo começa a tirá-lo do sério. Porém, a verdade é simples: todos têm defeitos. “O ser humano é uma metamorfose constante, assim sendo, nunca está pronto, nunca está feito por completo. É imperfeito em si”, explica a psicóloga. Para ser realizada no amor, é preciso aceitar que o outro tem o direito de ter defeitos e que, principalmente, você também os tem. Quem procura a perfeição não encontrará na espécie humana.

FOTO: Shutterstock.com

FOTO: Shutterstock.com

Omitir, mentir e trair: o primeiro passo para o fracasso

Não queira minimizar as coisas: omitir é o mesmo que mentir. E quem mente por pequenas coisas, vai mentir também por assuntos mais importantes. Essa atitude pode gerar consequências que raramente conseguem ser reparadas. “Quem é enganado uma vez perde a confiança no parceiro e passa a procurar nas suas atitudes as provas de outras mentiras”, esclarece Ana Cristina.

Tudo em um relacionamento pode ser contornado, mas quando a confiança acaba, corre-se o risco de destruir um grande amor ou marcá-lo com feridas tão profundas que, aos poucos, podem transformar o sentimento bom em indiferença. Uma vez que a indiferença se instala em um casal, nada mais pode ser feito para corrigir o erro.

O veneno do ciúme

Sim, o ciúme é como um veneno. Esse sentimento é capaz de intoxicar qualquer relação e instalar a desconfiança e a insegurança onde antes havia entrega e espontaneidade. “O ciúme é como um alerta, e esse alerta fica sempre ligado”, avisa a psicóloga. A partir do momento que somos enganados uma vez, qualquer falha, qualquer mudança de comportamento do parceiro gera uma dúvida, um medo de não saber se é bom confiar novamente.

Infelizmente, o ciúme é como uma doença. Uma vez que ele aparece, dificilmente consegue ser controlado. Monitore-se! Não deixe o ciúme falar mais alto que a sua vontade de fazer o relacionamento dar certo.

FOTO: iStock.com/Getty Images

FOTO: iStock.com/Getty Images

Dica importante para ser mais feliz no amor

Para ser bem-sucedida no amor, é importante abrir o coração e se dar a chance de viver um romance com alguém que não será sempre tão bonito, tão legal, tão rico, mas sempre será honesto ao sentimento que vocês criaram.

LEIA TAMBÉM

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.