Memória: saiba como desenvolvê-la com 5 dicas

Lembrar de compromissos do dia ou do conteúdo de uma prova – manter a memória em dia é fundamental. Veja como treinar essa capacidade

None
FOTO: Shutterstock Images

por Redação Alto Astral
Publicado em 22/10/2016 às 10:11
Atualizado às 11:47

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Manter a memória em dia é fundamental para uma maior produtividade durante o dia, visto que temos que lembrar de cada vez mais coisas importantes na rotina. Então, não perca mais tempo e confira 5 truques para não deixar suas lembranças caírem no esquecimento.

1- Descanse

O bom funcionamento cerebral depende do descanso físico e mental. Não reservar um tempo para relaxar diariamente e tirar umas férias acaba gerando o cansaço mental, resultando em lapsos de memória.

As horas de sono também são importantes para evitar esse processo. Enquanto se descansa, o cérebro continua trabalhando, e uma de suas funções nesse período é justamente consolidar a memória, armazenando as informações recebidas ao longo do dia.

2- Rabisque

Sabe aquela mania que algumas pessoas têm de rabiscar um pedaço de papel enquanto escuta alguém falar, seja no telefone ou em palestras? Trata-se de uma tática eficaz de memorização! Estudos indicam que rabiscar enquanto se recebe informações não visuais aumenta a capacidade da memória.

mulher-escrevendo-livro-anotando-memória

FOTO: Shutterstock.com

3- Evite bebidas alcoólicas

O álcool afeta o sistema nervoso central, interferindo nos processos de atenção e memória. Por isso, evite a ingestão de qualquer tipo de bebida alcoólica.

4- Controle as emoções

A ansiedade em excesso pode se transformar em um problema de saúde. O resultado são os processos cerebrais mais lentos, afetando a memória, além de fazer com que o indivíduo não viva o momento, gerando distúrbios de atenção e concentração. Já o estresse em demasia interfere na concentração, pois a elevação do cortisol, hormônio do estresse, aumenta a vigilância. Paradoxalmente, diminui o foco, o que reflete diretamente no processo de memorização.

5- Saia da rotina

Manter uma rotina é importante para a memorização, porém, corre-se o risco de “cair no automático” e fazer tudo sem pensar direito. Para evitar esse problema, realize pequenas mudanças no seu dia a dia. Por exemplo: teste um novo caminho para ir ao trabalho, conheça um novo restaurante, escove os dentes com a mão que costuma não usar, etc.

LEIA TAMBÉM

Texto: Natália Negretti – Edição: Giovane Rocha/Colaborador

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.