ESTILO DE VIDA

Detox de verdade: como esse processo pode melhorar a saúde?

Que o detox é bom todo mundo sabe, porém será que as pessoas fazem o detox de verdade? Entenda mais sobre os benefícios e a melhor maneira de fazê-lo!

None
Foto Istock.com/Getty images

por Redação Alto Astral
Publicado em 28/03/2017 às 13:30
Atualizado às 13:40

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Certamente você já deve ter ouvido falar do efeito detox dos alimentos, não é mesmo? Esse é um dos métodos mais populares quando o assunto é boa forma já que, cada vez mais, o termo é associado ao poder de emagrecimento. Porém, você sabia que o detox de verdade é mais do que isso? E ainda: que para ter um resultado positivo na balança as mudanças vão além da ingestão do famoso suco verde? Fique sabendo mais a seguir!

Garrafa de vidro de suco verde, maçã, kiwi, limão, verduras

Siga as dicas e faça o melhor detox para seu organismo Foto: Istock.com/Getty images

Moda x necessidade

Você sabia que nosso organismo é plenamente capaz de combater os agentes nocivos e eliminar toxinas que porventura possam causar danos? Órgãos como o intestino, os rins e, principalmente, o fígado são responsáveis por barrar a ação de toxinas que representam uma ameaça à nossa saúde. Sendo assim, porque o detox se tornou tão popular? De acordo com a nutricionista Joanna Carollo, essa necessidade surgiu, principalmente, como consequência do estilo de vida atual: “além de estarmos cada vez mais expostos a poluição está cada vez mais difícil dedicar um tempo à alimentação natural. Pode parecer imperceptível, mas ao consumir um número cada vez maior de produtos industrializados, estamos aumentando a ingestão de elementos químicos nocivos à saúde”.

Emagrece mesmo?

Famoso entre as pessoas que buscam uma vida fitness, será mesmo que o detox de verdade é uma solução para alcançar a boa forma? De acordo com a nutricionista, a eventual perda de peso é uma consequência da limpeza do organismo e não de uma fórmula milagrosa: “com o organismo ‘intoxicado’ aumenta a retenção de líquidos e a própria inflamação do tecido adiposo, o que propicia o acúmulo de gorduras. Pessoas com este problema encontram dificuldade em eliminar o inchaço e o excesso de peso. Uma vez corrigida a dieta, especialmente apostando em alimentos que facilitem a detoxificação, esses sintomas tendem a diminuir – o que para muitas pessoas pode culminar na redução de medidas“.

Copo de suco verde, grãos, verdura

Foto Istock.com/Getty images

Para acertar

Independente da motivação, para que o objetivo seja alcançado é fundamental seguir alguns preceitos. De acordo com Joanna, essa dieta pode variar de acordo com o perfil do individuo, porém, de maneira geral, segue algumas premissas, a saber:

  • Priorizar o consumo de alimentos naturais
  • Minimizar a ingestão de alimentos processados
  • Hidratar-se bem

Consultoria Joanna Carollo, nutricionista/ Fonte Rebeca Oliveira, assessoria de imprensa

Leia também: