Cyberbullying: o que é e como enfrentá-lo junto com seu filho?

Descubra cinco dicas para enfrentar o cyberbullying junto com seu filho e, com isso, proteger a saúde emocional das crianças e adolescentes

None
O cyberbullying afeta a autoestima das cirnaças e adolescentes, mas pode ser combatido com algumas atitudes simples. FOTO Reprodução

por Redação Alto Astral
Publicado em 12/10/2017 às 13:12
Atualizado às 14:28

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Em tempos em que o acesso à internet é fácil e rápido, um post, comentário ou imagem publicada nas redes sociais pode causar grande constrangimento e repercussão, afetando a autoestima da vítima. Essa situação é apenas um exemplo do que caracteriza o cyberbullying, termo que designa qualquer tipo de violência praticada contra alguém através da internet ou de outras tecnologias relacionadas.

Visando combater o cyberbullying – principalmente em relação a crianças e adolescentes – e promover o diálogo sobre o melhor uso das tecnologias, a Vivo® tem uma iniciativa que ensina como identificar se o seu filho está praticando ou sofrendo cyberbullying e como agir diante da descoberta.

“Ele é uma violência como qualquer outra e deve ser combatida sempre que ocorrer, ainda mais por estar ligada diretamente à saúde mental das vítimas, que, se não for protegida, pode trazer sérios danos”, alerta a advogada que atua em escritório especializado em direito digital e atende casos de cyberbullying Lia Calegari da Cunha. A seguir, descubra cinco dicas para saber como identificar e agir quando alguém está sofrendo ou causando bullying virtual!

LEIA TAMBÉM:

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.