ESTILO DE VIDA

Aprenda a conhecer a concorrência e entender as estratégias do mercado

Analisar a concorrência significa entender melhor o mercado de atuação da sua empresa. Confira estratégias para te ajudar nesse plano!

None
Foto: Structuro via Visualhunt.com

por Redação Alto Astral
Publicado em 17/01/2017 às 08:48
Atualizado às 17:06

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Todos os profissionais que atuam em empresas sabem que “ficar de olho” na concorrência é muito importante para entender as estratégias de mercado. No entanto, uma pergunta simples pode pegar muitas pessoas desprevenidas: como conhecer a concorrência? Saiba o que fazer e confira as dicas de Sun Tzu, o autor de A Arte da Guerra.

Conhecendo a concorrência

Efetue uma análise dos rivais que confeccionam produtos semelhantes ou substitutos aos seus. O primeiro passo para atingir esse objetivo é avaliar as metas atuais e o futuro da concorrência. Depois, analise as estratégias que eles estão utilizando para identificar oportunidades e ameaças nas suas ações.

Questione quais são os produtos rivais, seus preços e como é a logística de distribuição. Em seguida, é interessante sondar os recursos de produção (se é um rival possuidor de um bom capital) e os recursos do marketing, inclusive. Por último, faça previsões, verifique as possíveis reações da concorrência quando você lançar, por exemplo, uma ação inovadora da sua empresa.

menino binóculos espiar concorrência

Foto: Structuro via Visualhunt.com

O ideal para inovar em estratégias, atrair clientes e fidelizar aqueles que já tem preferência pela marca, é estudar o mercado. De acordo com o livro Sun Tzu, A Arte da Guerra – Os trezes capítulos originais, da Editora Jardim dos Livros, quem ataca com pressa ou fúria, sem estar preparado, vai perder um terço de seus soldados.

“Isso será uma calamidade. O verdadeiro Mestre da Guerra domina um exército sem lutar; conquista uma cidade sem cercá-la; derruba um Estado sem demorar muito”. Com essa instrução de Sun, confirma-se que o ideal não é intimidar o concorrente, mas, sobretudo, conhecê-lo e saber como vai reagir à atuação do seu negócio. O interesse é sempre conquistar todo o espaço possível que a empresa possa atuar, sem esgotar forças.

LEIA TAMBÉM

Texto: Redação Alto Astral | Edição: Érika Alfaro