ESTILO DE VIDA

5 passos para começar a turbinar seu cérebro

Assim como as atividades físicas exigem um aquecimento, o cérebro também precisa de um empurrãozinho antes de ser exercitado

None
IMAGEM: Shutterstock.com

por Redação Alto Astral
Publicado em 08/11/2016 às 10:06
Atualizado às 11:57

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Desenvolver o cérebro é mais simples do que você imagina, pode acreditar! Mas, antes de começar, o especialista Carlos Maurício Prado frisa que é importante realizar um aquecimento. Assim, o cérebro vai se adaptando para executar outras atividades. Abaixo, estão alguns exemplos para deixá-lo preparado!

1. Beba água! “Ela é o combustível do cérebro, pois, como conduz eletricidade, acende a comunicação entre os neurônios, melhorando o raciocínio e a memória”, afirma Carlos.

2.Faça movimentos cruzados. Segundo Carlos, ao exercitar o braço direito e a perna esquerda ao mesmo tempo, por exemplo, “é possível ativar os dois lados do cérebro simultaneamente. Isso é fundamental para uma boa concentração e disposição mental e física”.

cerebro-oculos-levantando-peso

IMAGEM: Shutterstock.com

3. Massageie pontos estratégicos. Esses movimentos, que devem durar cerca de um minuto, podem ser realizados no centro da testa, nas cavidades abaixo da clavícula (enquanto isso, movimente os olhos de um lado para o outro) e nas orelhas. Com isso, áreas do cérebro responsáveis por planejamento e criatividade, além da audição e da visão, serão estimuladas e terão suas capacidades potencializadas.

4. Saia da rotina! Busque realizar atividades incomuns no seu dia a dia. Alguns exemplos são trocar de roupa com os olhos fechados, tentar descobrir os temperos de uma comida no restaurante ou ler um livro em voz alta e fazer um resumo. Com isso, seu cérebro sairá do piloto automático e desenvolverá novas capacidades.

5. Tire proveito de coisas simples. Por exemplo, ao subir a escada do seu prédio, conte quantos degraus existem até o seu andar. Ou então, escove os dentes com a mão esquerda (se for destro) ou com a direita (se for canhoto). Você também pode sentar em um lugar diferente na mesa do que o usual. Todas essas possibilidades contribuem para que o cérebro seja mais estimulado.

LEIA TAMBÉM

Texto: Vitor Manfio/Colaborador – Edição: Giovane Rocha/Colaborador

Entrevista: Victor Santos – Consultoria: Carlos Maurício Prado, engenheiro químico e especialista em ginástica cerebral