Dúvidas sobre como consumir goji berry? A gente te dá as opções!

A goji berry é uma opção muito saudável para incluir na alimentação. Mas você já sabe qual é a maneira correta de fazer isso? Confira!

None
A goji berry é ideal para consumir no iogurte e na salada! FOTO: Shutterstock

por Redação Alto Astral
Publicado em 03/04/2017 às 08:56
Atualizado às 13:40

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

A goji berry é uma fruta originária do Sul da Ásia. Sua forma in natura é encontrada principalmente em locais como China, Índia, Tibete e Montanhas do Himalaia. Nos Estados Unidos, é encontrado o suco da fruta fresca, que pode ser utilizado no lugar de outro suco de frutas. No Brasil, ela chega em sua forma desidratada ou em extrato, vendido em cápsulas ou pó. Veja como ganhar mais saúde consumindo a fruta da melhor maneira possível!

goji berry

A goji berry é ideal para consumir no iogurte e na salada! FOTO: Shutterstock

Formas de consumo

A forma in natura é sempre a mais aconselhada para o consumo. Porém, como é difícil encontrá-la assim no Brasil, a desidratada é a melhor opção, pois tem todas as suas propriedades preservadas. O bom é que a goji berry, em seus diferentes estados, não apresenta perda de nutrientes. Consuma de 1 a 2 colheres (sopa) por dia (15g a 30g) da fruta desidratada. Pode ser incluída no lugar de outra fruta, preferencialmente pela manhã ou antes dos exercícios.

Misture com outras frutas, assim como a iogurtes, cereais, saladas, vitaminas e sucos. Seu sabor é levemente amargo e se consumida assim, pode ser mais saborosa. Evite adicionar açúcar.  “Optando pela forma desidratada, é interessante que a pessoa consuma juntamente com um líquido para hidratar as fibras e potencializar as propriedades benéficas”, comenta a nutricionista Carolina Paz.

goji berry

Procure ingerir bastante água se for consumir a goji berry desidratada! FOTO: Shutterstock

Alerta!

A goji berry, em qualquer de suas formas, só não é indicada para crianças, gestantes e lactantes pela falta de estudos de segurança nesses indivíduos. Não deve ser consumida também por pessoas que tomam remédio para trombose (anticoagulantes), controle de pressão e de glicemia, porque pode inibir a ação desses medicamentos.

LEIA TAMBÉM

Consultoria: Carolina Paz, nutricionista
Texto: Redação Alto Astral

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.