Substâncias encontradas na chia ajudam a controlar o apetite

Ômega 3, fibras e proteínas, além de formar um gel quando em contato com a água, tornam a chia aliada do emagrecimento

None
Foto: iStock.com/Getty Images

por Redação Alto Astral
Publicado em 02/08/2016 às 18:16
Atualizado às 12:34

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

O elevado teor de fibras e proteína vegetal torna a semente de chia perfeita para a dieta. Além disso, ela também ajuda a suprir várias das necessidades nutricionais, pois é rica em cálcio, fósforo, ferro, magnésio, potássio, zinco, ácidos graxos poli-insaturados essenciais (como o ômega 3) e quantidades significativas de aminoácidos, fatores que também contribuem para o emagrecimento saudável.

Semente de chia controla o apetite

Foto: iStock.com/Getty Images

Ômega 3, fibras e proteínas na dieta

“O ômega 3 age combatendo a inflamação causada pelo acúmulo de gordura e auxilia o organismo a controlar o apetite”, explica a nutróloga Alice Amaral, de Juiz de Fora (MG). “Já as fibras tem o papel de proporcionar mais saciedade e regular o trânsito intestinal, retendo o excesso de gordura dos alimentos e detoxificando o organismo através da sua eliminação pelas fezes” complementa. E, por fim, as proteínas são encarregadas de promover um aumento na massa magra, que consequentemente acelera o metabolismo corporal. A quantidade indicada é de 25g de chia ao dia, aproximadamente 1 colher de sopa, que pode ser adicionada em diversos preparos do dia a dia.

SAIBA MAIS

Alimentos que desintoxicam o organismo!
As melhores combinações de alimentos para sua saúde
5 truques para montar a salada ideal para a dieta

Fome sob controle!

Além da grande concentração de fibras, a semente controla o apetite principalmente por ter um efeito mucilaginoso. “Isso faz com que ela absorva e reserve água quando chega ao estômago, intensificando a sensação de saciedade”, explica a nutróloga Alice Amaral. Devido à sua alta capacidade de absorção hídrica – ela aumenta cerca de 12 vezes o seu tamanho, de acordo com a nutróloga – a chia forma um gel no estômago, que faz com que o corpo entenda que já está satisfeito, evitando assaltar a geladeira.

Mas, para obter esse efeito, é preciso aumentar o consumo de água. “A hidratação não é só importante no processo de emagrecimento, ela é fundamental na promoção da saúde física e mental”, realça a profissional. Além de dar saciedade, ajuda o intestino a funcionar melhor e, consequentemente, uma quantidade maior de gordura presente nos alimentos é retida e eliminada pelo organismo.

Texto: Larissa Faria e Camila Gallate/Colaboradora | Consultoria: Alice Amaral, médica especialista em nutrologia de Juíz de Fora (MG), (32) 3215-2250; Thaís Villaça, nutricionista clínica e personal diet do Rio de Janeiro, (21) 3326-7076