O café ajuda na perda de peso e oferece nutrientes ao organismo

Além de ser uma bebida deliciosa, o café garante inúmeros benefícios à saúde e ainda acelera o metabolismo, favorecendo o emagrecimento

None
Foto: Shutterstock.com

por Redação Alto Astral
Publicado em 27/02/2018 às 18:48
Atualizado às 12:20

Queridinho principalmente pelos brasileiros, ele está presente logo pela manhã, depois do almoço e no final da tarde. Mas sua fama não se deve apenas pelo sabor delicioso: o café auxilia na queima de gordura corporal e possui inúmeros benefícios à saúde. Conheça suas propriedades e saiba como consumi-lo para garantir tudo de bom que ele tem a oferecer!

Metabolismo a mil

Devido à sua ação termogênica, a bebida é indicada para quem quer enxugar alguns quilinhos com mais facilidade. Termogênese, segundo a médica nutróloga e ortomolecular Tamara Mazaracki, é o mecanismo que ocorre no corpo quando ele necessita trabalhar para dissipar o calor e manter a temperatura estável. “Alguns alimentos têm ativos que contribuem para aumentar a temperatura do corpo. Quanto maior a capacidade de produzir calor, mais calorias são gastas na sua dissipação, levando a uma aceleração do metabolismo e perda de peso”, detalha a profissional.

Tudo de bom

O café também é um aliado perfeito da saúde, já que possui propriedades que auxiliam o bom funcionamento do organismo. De acordo com Tamara, substâncias termogênicas possuem o poder de melhorar a função da tireoide, pois regulam o metabolismo, e do pâncreas, uma vez que equilibram a ação da insulina. Além disso, a bebida possui efeito antioxidante, regulando a quantidade de radicas livres no organismo e, assim, prevenindo o envelhecimento das células.

Com moderação

A nutricionista funcional e esportiva Andréa Marim afirma que, para obter os benefícios do café para a saúde e para a dieta, o consumo ideal por dia é de até 400mg de cafeína, o que equivale a 5 shots (30ml) de expresso ou 3 xícaras (150ml) de café coado. “Sugiro um consumo moderado, principalmente para quem tem muita sensibilidade a cafeína (insônia)”, completa a especialista.

Coado ou expresso?

Você sabe quais as diferenças entre os dois? Além do modo de preparo, fatores como densidade e aroma também distinguem as bebidas. O café coado, mais tradicional no Brasil, é menos denso, com aroma e sabores agradáveis. Já o expresso, por ser preparado em máquina, através da passagem rápida da água aquecida pelo café moído compactado, possui maior consistência, porém menos cafeína.

Consultoria: Andréa Marim, nutricionista funcional e esportiva, de São Paulo (SP); Tamara Mazaracki, médica nutróloga e ortomolecular, do Rio de Janeiro (RJ)

LEIA TAMBÉM

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.