Conheça os benefícios da berinjela para o coração

Além de saborosa e versátil, ao incluir a berinjela ao plano alimentar você tem diversas vantagens, a principal delas para o coração

None
Foto: iStock

por Redação Alto Astral
Publicado em 10/02/2017 às 13:20
Atualizado às 13:25

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Além de saboroso, esse legume também apresenta nutrientes e vitaminas que podem prevenir o surgimento de várias doenças cardiovasculares. Entretanto, atenção ao modo de preparo: a berinjela somente trará efeitos positivos se for consumida em pratos que não carreguem ingredientes gordurosos, como saladas, sucos, assados e em forma de farinha. Portanto, evite frituras e excesso de sal. Seguindo essas dicas simples, você controla as taxas de colesterol, mantendo o coração saudável.

várias berinjelas

Foto: iStock

Afinal, o que é colesterol?

Apesar de ser associado a fatores negativos, o colesterol é uma fonte de energia importante para todo o corpo. Dessa forma, sua presença no organismo não é nociva.“É um tipo de gordura que se encontra ligado às proteínas presentes na corrente sanguínea, que são de dois tipos: LDL (lipoproteína de baixa densidade) e HDL (lipoproteína de alta densidade)”, explica o cardiologista Américo Tângari.

O grande problema aparece quando o LDL, chamado popularmente de mau colesterol, está em alta quantidade no organismo, pois ele se desfaz facilmente no sangue, podendo se acumular nas artérias e formar placas de gorduras. Com isso, a passagem do sangue é prejudicada, o que leva a doenças cardiovasculares, como o infarto e a pressão alta. A predominância do colesterol ruim se deve a múltiplos fatores, dentre eles a predisposição genética, obesidade, sedentarismo e maus hábitos alimentares.

Desvende a berinjela

Para ser capaz de livrar o corpo de índices elevados de colestrol, a berinjela pode ser uma forte aliada da saúde! Pensando nisso, listamos as principais substâncias encontradas nesse legume que agem com esse objetivo. Confira!

  • Antocianina: o pigmento natural presente na casca da berinjela tem poder antioxidante. “O legume é rico em antocianina, um composto antioxidante que previne a inflamação e o dano em vasos sanguíneos, e também age reduzindo a oxidação do colesterol LDL”, afirma a nutróloga e médica ortomolecular Tamara Mazaracki.
  • Potássio: esse mineral é utilizado pelos músculos durante o trabalho de contração e relaxamento. Por isso, é indispensável para os movimentos do coração.
  • Fibras: ao serem digeridas, essas substâncias formam um gel que consegue captar parte das gorduras ingeridas na alimentação, mandando-as embora junto com as fezes, o que ajuda no controle das taxas de colesterol. Mas, atenção: para atingir essa meta, é preciso consumir bastante água durante todo o dia.

Atenção!

A berinjela realmente atua na saúde do coração. Contudo, é preciso atenção na hora de seu preparo, para que as propriedades do legume não acabem sendo anuladas por culpa de um ingrediente em especial: o sal. O problema é que, quando consumido em excesso, o mineral retém líquido, resultando em um aumento do volume do sangue.

Assim, o coração precisa fazer mais força para bombear. E qual o resultado disso tudo? Os vasos sanguíneos sofrem uma pressão maior, correndo o risco de sofrer lesões. Esse fenômeno é conhecido como hipertensão, o que pode levar a um acidente vascular cerebral (AVC). berinjela .

LEIA TAMBÉM:

Consultoria: Tamara Mazaracki, nutróloga e médica ortomolecular; Américo Tângari, cardiologista

Texto: Redação Alto Astral