ESTILO DE VIDA

Chás: aprenda a fazer uma infusão perfeita e garanta mais benefícios!

Quer saber como tornar os chás ainda mais potentes na dieta? Especialista em chás, Daniele Lieuthier ensina a fazer uma infusão perfeita!

None
Foto: iStock.com/Getty Images

por Redação Alto Astral
Publicado em 09/11/2016 às 14:51
Atualizado às 14:52

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Agora que você já leu sobre os melhores chás para o emagrecimento e suas propriedades terapêuticas e detoxificantes, saiba como fazer a infusão perfeita e aproveite o melhor dela para turbinar a saúde e o emagrecimento!

mulher segurando xícara de chá

Foto: iStock.com/Getty Images

Três passos

“Quantidade, temperatura e tempo: esse é o segredo para um bom chá”, sintetiza Daniele Lieuthier, especialista e designer de chás, também proprietária da Caminho do Chá, marca de chás artesanais de Curitiba (PR). Segundo ela, cada planta requer um tempo de infusão em água quente, que refletirá no seu sabor final. A temperatura e a quantidade de planta usada também alteram o resultado, a dica é não ultrapassar 100°C – no caso do chá verde, entre 70°C e 80°C – e usar aproximadamente 2g de chá ou erva. “É por isso que muita gente acha o chá verde amargo, por exemplo. Na verdade, ele não é amargo, provavelmente o seu preparo que não foi correto”, explica a pesquisadora. Isso acontece por causa dos taninos, substâncias presentes no chá verde que trazem um certo amargor à bebida. “Os taninos são extraídos pela água durante a infusão. Quanto mais quente a água e mais tempo você deixar, mais taninos vai extrair do chá”, complementa.

Natural ou de saquinho?

As embalagens compradas em supermercados são mais práticas, porém, possuem várias partes da planta, o que pode reduzir o seu efeito. “Eles são processados de forma diferente, pelo método CTC (sigla em inglês para cortar, rasgar e enrolar); ao triturar diversas vezes suas folhas, perde-se grande parte das propriedades e sabor”, afirma Daniele. Já os chás artesanais são extraídos pelo método ortodoxo, que é mais complexo e demorado, mas garante todos os benefícios da planta.

Faça em casa: infusão perfeita!

Os chás podem ser preparados com folhas ou flores das plantas, sejam elas secas ou frescas. Se preferir a erva seca, use 1 colher (chá) para 1 xícara (200ml) de água. Já a erva fresca pede 2 colheres (chá) para a mesma quantidade de líquido. Em uma chaleira, ferva a água (sem deixar borbulhar) e desligue o fogo. Coloque a erva desejada e deixe em infusão até 10 minutos ou conforme indicado na embalagem, com a chaleira tampada. Coe e beba. Você também pode usar um infusor.

Você sabia?

O que todo mundo chama de chá é, na verdade, uma infusão, ou seja, o método de preparo em que se coloca uma substância aromática em água quente para extrair seu sabor, aroma e suas propriedades. “Chá é o nome de uma planta, a  Camellia sinensis. Portanto, só podemos chamar de chá as infusões feitas com essa planta. Caso contrário, chamamos de infusão”, explica a especialista e designer de chás Daniele Lieuthier.

Texto: Redação Alto Astral | Consultoria: Daniele Lieuthier, especialista e designer de chás, idealizadora e proprietária da marca de chás artesanais Caminho do Chá, de Curitiba (PR), caminhodocha.com.br

LEIA TAMBÉM