ESTILO DE VIDA

Sabrina conheceu o namorado com ajuda de um app; veja 10 aplicativos de paquera para encontrar um amor

Sabrina Sato se envolveu com o namorado Duda Nagle por meio de um app. Confira algumas sugestões e aposte nos aplicativos de paquera para encontrar um amor!

None
Matéria sobre aplicativos de paquera: Sabrina Sato segurando um celular; balão escrito 'olá, tenho interesse'

por Redação Alto Astral
Publicado em 14/02/2017 às 16:23
Atualizado às 14:07

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Sabrina Sato e o namorado, Duda Nagle, estiveram recentemente no Programa do Porchat como convidados. Em uma entrevista descontraída, o casal revelou alguns aspectos íntimos de seu relacionamento, entre eles a forma como se envolveram amorosamente – o que possui relação com aplicativos de paquera.

aplicativos de paquera

Foto: Reprodução/Instagram

De acordo com Sabrina, os dois já se conheciam de vista, mas não se falavam. Assim, os amigos em comum  foram essenciais na união do casal. Durante o programa, a japa disse que, quando estava solteira, seus amigos diziam que Duda era interessante e que “fazia seu número”, além de mandarem várias fotos do ator.

Depois de algum tempo, os dois começaram a conversar pelo InstaMessage (disponível para Android e iOS) – aplicativo que mostra usuários do Instagram que estão nas redondezas e também possibilita a troca de mensagens privadas. “Ele já tinha me mandado várias mensagens. Aí um dia eu bebi muito e, ao invés de chamar ele para treinar, chamei para jantar“, brincou Sabrina.

Por que não o Tinder?

O Tinder (disponível para Android e iOS), que é atualmente o aplicativo mais famoso de paquera, foi uma opção descartada por Sabrina na hora de conhecer pessoas novas. O motivo? Seu ex-namorado, João Vicente de Castro, decidiu usar o app depois da separação e foi motivo de notícia em sites e jornais. A apresentadora afirmou que não quis a mesma exposição na mídia que o seu ex teve quando se cadastrou no aplicativo. “Se eu fizer, vai sair em todos os lugares também“, contou.

Mas além do InstaMessage e Tinder, existem outros aplicativos que dão aquela mãozinha na paquera e, até mesmo, em um relacionamento sério – como no caso de Sabrina e Duda. Veja a lista abaixo!

10 aplicativos de paquera para encontrar um novo amor

aplicativos de paquera

Foto: Reprodução/Instagram

1 – Happn

Primeira alternativa ao Tinder, o Happn possui características semelhantes às de seu concorrente, no entanto, o mecanismo de busca é bastante diferente: ele se baseia na localização dos usuários para aproximá-los, e não nos interesses em comum. O aplicativo está disponível para Android e iOS.

2 – OkCupid

O OkCupid busca relacionar pessoas que tenham o máximo de interesses em comum possível. Para isso, o usuário deve responder à algumas perguntas sobre preferências e hábitos, o que facilita elencar aqueles que buscam um par que não beba ou não fume, por exemplo. O aplicativo está disponível para Android e iOS.

3 – NowMe

Este aplicativo se encaixa perfeitamente para quem quer encontrar uma pessoa na balada ou em um bar, já que o mecanismo de busca funciona por meio de geolocalização e o raio permitido é de até 500 metros. O aplicativo está disponível para iOS e será disponibilizado para Android em breve.

4 – 3nder

Entre os aplicativos de paquera está o 3nder, que é voltado para quem busca relações à três. Nele, podem se inscrever casais (héteros, bi ou gays) e solteiros que estejam interessados em apimentar a relação com sexo à três. O aplicativo está disponível apenas para iOS.

5 – Down

Com uma dinâmica um pouco diferente, ao invés de apresentar pessoas novas, o Down irá mostrar amigos e conhecidos que combinariam com o usuário em uma possível relação amorosa. Além disso, é possível mandar um SMS secreto para alguém da lista de contatos do telefone, e a pessoa só saberá quem é o remetente após baixar e se inscrever no Down. O aplicativo está disponível para Android e iOS.

aplicativos de paquera

Foto: Reprodução/Instagram

6 – Anomo

Com características peculiares, o Anomo busca preservar a privacidade de seus usuários. Por conta disso, ao invés de fotos, são usados avatares animados e as únicas informações disponibilizadas para outros contatos são o nome, a idade e a cidade em que a pessoa interessada mora. Além disso, o app disponibiliza alguns jogos para facilitar a interação entre os usuários. O aplicativo está disponível para Android e iOS.

7 – Grindr

Voltado para homens homossexuais, o Gindr permite que seus usuários escolham os pretendentes por características como peso, altura e até mesmo pelo estilo – como o geek, por exemplo. Enquanto alguns aplicativos não permitem o início de uma conversa sem que ambas as pessoas estejam interessadas, este app possibilita um bate-papo imediato, mesmo sem nenhum retorno de interesse.

8 – Wapa

Enquanto o Gindr é voltado para homens, o Wapa é um dos aplicativos de paquera desenvolvido especialmente para mulheres homossexuais, que, inclusive, possui interface bem semelhante ao anterior. E pensando na segurança das usuárias, o Wapa possui algumas regras para evitar com que sejam criadas contas fake. O aplicativo está disponível para Android e iOS.

9 – Kickoff

O aplicativo é voltado para relacionamentos sérios, ou seja, quem busca parceiros apenas para diversão deve optar por outros tipos de aplicativos para paquera. Baseado nos dados e interesses contidos no perfil do Facebook, o Kickoff irá apresentar ao usuário dez pessoas por dia, para que este escolha por quem se interessou e possa marcar um encontro. O aplicativo está disponível para Android e iOS.

10 – Bumble

Último na lista dos aplicativos para paquera, o Bumble é semelhante ao Tinder, no entanto, o diferencial é que apenas mulheres podem iniciaruma conversa. Existe uma exceção para homens apenas quando o interesse é em pessoas do mesmo sexo.

LEIA TAMBÉM: