Ansiedade: 5 sintomas clássicos do problema para você se prevenir

Quando o assunto é ansiedade, os sintomas clássicos podem ser identificados com facilidade. No entanto, o essencial é buscar a ajuda adequada!

None
FOTO: Istock.com/GettyImages

por Redação Alto Astral
Publicado em 14/12/2016 às 13:29
Atualizado às 12:57

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

O autodiagnóstico de algumas disfunções na saúde pode ser algo bem confuso e perigoso, já que o problema que se imagina ter pode não existir ou, até mesmo, tratar-se de outra coisa. Mas quando o assunto é a ansiedade, os sintomas clássicos podem ser identificados com facilidade pelo portador.

No entanto, o essencial é buscar a ajuda adequada e, em hipótese alguma, praticar a automedicação. A seguir, você confere alguns sintomas do problema, e descobre como eles se manifestam no portador.

mulher-ansiedade-mao-na-cabeça

FOTO: Istock.com/GettyImages

1- Medo de morrer

A ideia de que uma doença pode estar lhe acometendo ou um desastre pode acontecer a qualquer momento também faz parte dos pensamentos de quadros ansiosos. “Medo, insegurança, expectativas e preocupações em excesso acontecem em casos mais agudos”, completa o terapeuta Adriano Saran.

2- Organização excessiva

Muita gente tem mania de limpeza e de organização, e isso é normal. No entanto, quando pequenos detalhes passam a atrapalhar a rotina da pessoa e irritá-la com frequência, pode ser que a ansiedade esteja passando dos limites.

3- Compulsão alimentar

O estresse e a ansiedade, na maioria dos casos, estão relacionados com a compulsividade à mesa. Isso porque alimentos de alto índice glicêmico, como os doces, por meio de um efeito rebote da glicose no sangue, podem levar à hipoglicemia, e esta, à ansiedade. Deficiências de minerais, como magnésio (que é calmante), cromo e cálcio, também podem favorecer os estados de ansiedade.

mulher-ansiedade-brava

FOTO: Shuttestock

4- Falta de concentração

Se perder na leitura ou no que uma pessoa lhe diz com frequência pode ser um sinal de que a mente não anda bem. Uma característica é estar fora do ‘aqui e agora’, pois os pensamentos se projetam muito para o depois, o futuro.

5- Pavor de falar em público

Esse medo é comum para várias pessoas, porém, em indivíduos ansiosos, tende a se agravar ainda mais, gerando até mesmo sintomas físicos, como tremor, sudorese, gagueira, falta de ar e até taquicardia.

Consultoria: Adriano Saran, terapeuta

LEIA TAMBÉM

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.