Pesquisa diz que o ambiente social pode influenciar na alimentação

Estudo americano comprovou a relação entre má alimentação e o ambiente social em que a pessoa vive. Entenda mais sobre essa pesquisa!

None
Foto: Istock.com/getty images

por Redação Alto Astral
Publicado em 17/05/2017 às 08:44
Atualizado às 13:52

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Uma pesquisa da Associação Americana do Coração (American Heart Association, em inglês) demonstrou que é mais difícil manter a dieta quando a alimentação é feita em um ambiente social. De acordo com o resultado, há 60% de chance de cair na tentação quando a refeição é feita ao lado de outras pessoas.  Ainda segundo o estudo, comer fora também pode ser um empecilho para quem quer perder peso: o risco de comer em excesso é de 60%.

Com a ajuda de smartphones e de um aplicativo personalizado, os cientistas recolheram dados da alimentação cotidiana de 150 participantes – 90% eram mulheres – durante um ano inteiro. Todas as pessoas analisadas estavam acima do peso e buscavam limitar as calorias diárias. A média do Índice de Massa Corporal (IMC) do grupo era 34 – adultos com número acima de 30 são considerados obesos. Outro resultado encontrado com essa pesquisa é que há menos tentação em b fugir da dieta quando se come em casa. A probabilidade de sair da meta calórica também era menor no trabalho (40%) ou dentro do carro (30%).

mulher tendo má alimentação

O momento mais comum de fugir da dieta é quando a pessoa está sozinha. Foto: iStock/Getty  Images

No entanto, os participantes furavam a dieta metade do tempo em que estavam sozinhos. “A investigação sobre a compreensão e a prevenção da recuperação de peso é importante para melhorar a saúde pública. Ajudar o indivíduo a prever quais serão os desafios e como resolver os problemas que trazem mais risco pode capacitá-lo a manter a meta para emagrecer”, disse Lora E. Burke, principal autora do estudo e professora de enfermagem da Universidade de Pittsburgh, na Pensilvânia. Portanto, quando a pessoa sabe como, onde e o que a leva comer mal, ela pode mudar alguns hábitos no seu ambiente social para evitar essas situações.

LEIA TAMBÉM:

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.