ESTILO DE VIDA

Alimentação: veja alimentos que ajudam prevenir pedras no rim!

Para fugir das pedras no rim, a melhor solução é se preocupar com a alimentação. Isso mesmo, você precisa se atentar ao que come. Veja algumas dicas!

None
Foto iStock.com/Getty Images

por Redação Alto Astral
Publicado em 23/09/2016 às 00:15
Atualizado às 20:57

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Os fatores que levam ao cálculo renal podem variar, mas a alimentação é a melhor prevenção para qualquer caso. “Graças à nutrigenômica (ciência que promove saúde através de uma dieta geneticamente personalizada), provou-se que nutrientes e compostos bioativos podem prevenir doenças”, aponta a médica especialista em Nutrologia e Medicina do Exercício e Esporte, Alice Amaral. Confira!

Abacaxi

Foto iStock.com/Getty Images

Frutas cítricas

“O suco de frutas como o limão, o abacaxi e a laranja, contém citrato, que ajuda a evitar a formação de cálculos renais”, comenta Alice

Chuchu

O alimento tem fama de aguado, mas nele você encontra, além da alta concentração de água, o que contribui para a hidratação, uma boa quantidade de fibras, que colaboram com o bom funcionamento do intestino. Suas propriedades diuréticas são ideais para expelir os cálculos.

chá de hibisco

Foto iStock.com/Getty Images

Chás

Aqueles que são considerados diuréticos são ideais para eliminar líquidos por meio dos rins e da bexiga. Os principais são o chá verde, branco, preto, carqueja e hibisco.

Maracujá

Além de ter efeito calmante, esse alimento é fonte de fibras e vitaminas. “O maracujá destaca-se pela quantidade de vitaminas que possui, como a vitamina C, que estimula o sistema imunológico, melhorando as defesas naturais do organismo e a vitamina A, que atua como antioxidante”, revela a nutricionista Talitta Maciel.

Mandioca

Contém quantidades de minerais como magnésio, fósforo, potássio, cálcio. “O magnésio está envolvido na produção de energia, relaxamento muscular, na formação dos ossos e dentes, na função nervosa, essencial ao metabolismo da glicose, na produção de energia celular e na síntese de proteínas e do DNA” destaca a nutricionista Greice Caroline Baggio.

Leia também: 

Consultoria Alice Amaral, especialista em Nutrologia e Medicina do Exercício e Esporte; Talitta Maciel, nutricionista; Greice Caroline Baggio, nutricionista