ESTILO DE VIDA

5 águas funcionais que turbinam sua saúde

As águas funcionais são ideais para ajudar no emagrecimento e para afastar doenças, uma vez que ela carregam os benefícios dos alimentos

None
FOTO: Shutterstock

por Redação Alto Astral
Publicado em 31/08/2016 às 15:00
Atualizado às 20:59

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Quando se trata da saúde, geralmente o que vem em mente são os alimentos desintoxicantes e com outras funcionalidades. No entanto, o que muitas pessoas não se lembram é que os líquidos também fazem toda a diferença no corpo: as águas funcionais podem ajudar no emagrecimento e ainda turbinar a saúde, afastando doenças.

Entre benefícios e desvantagens, a velha e conhecida água dispara no topo da lista quando se trata de benefícios. “Ela é essencial à vida, contribui e participa de muitas funções no organismo. Sua ingestão diária é crucial para a saúde”, afirma a nutricionista Gabriela Marcelino.

Uma ótima ideia é contar com a ajuda das águas preparadas com alimentos naturais, já que elas preservam uma série de nutrientes do alimento original, incluindo as fibras. Confira 5 águas funcionais poderosas que ajudam a turbinar sua saúde!

Águas funcionais: como fazer em casa!

Água de maçã com hortelã: misture 1 litro de água, 1 maçã cortada em fatias e 2 ramos de hortelã em um recipiente. Deixei de molho de um dia para o outro. Beba em jejum.

Água de pitaya com morango: deixe de molho, em 1 litro de água, 5 morangos médios e a polpa de 1/2 pitaya. Beba no dia seguinte.

Água de limão, tangerina e canela: basta deixar 1 tangerina cortada em fatias, 1/2 limão e 2 paus de canela de molho em 1 litro de água. Depois, é só ingerir no dia seguinte.

VEJA TAMBÉM:

Água de pepino com pimenta: em 1 litro de água, deixe 1 pepino cortado em rodelas e pimenta a gosto de molho. Depois, é só ingerir.

Água de abacaxi com hortelã: coloque 3 fatias de abacaxi e dois ramos hortelã em 1 litro de água. Deixe de molho de um dia para o outro e beba em jejum.

Consultoria Gabriela Marcelino, nutricionista