Você é muito tímido? Confira 8 dicas para superar o problema!

A timidez se apresenta como um medo irracional inerente ao ser humano. Confira 8 dicas para superar a timidez, colocando-as em prática no dia a dia.

None
Foto: Shutterstock

por Redação Alto Astral
Publicado em 03/04/2017 às 13:18
Atualizado às 10:53

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

A timidez se apresenta como um medo irracional inerente ao ser humano. Segundo o psicólogo clínico Galvão Bayard, “tímido é quem teme algo, no geral: rejeição, menosprezo às claras ou implicitamente, falarem mal de si ou ser desprezado”. Porém, há casos que o excesso desse comportamento atrapalha as relações sociais.

Seu surgimento se deve a uma sequência de fatores – inclusive ambientais – compostas em sua grande maioria por auto-críticas, como avaliações negativas de si mesmo e excesso de preocupação com a auto-imagem. Essa inibição pode ser vencida, ou ao menos atenuada, com exercícios diários de valorização pessoal, de reflexão sobre seus pontos fortes e de compreensão do que afeta seu comportamento.

homem de frente para a câmara e a mão na frente da câmera tampando o rosto

Foto: Shutterstock

A respiração, quando feita de maneira mais lenta, acrescida de afirmações positivas sobre si próprio, pode auxiliar em situações de grande tensão, diminuindo a ansiedade e contribuindo para a descontração do comportamento. “Na medida em que a mídia ensina as pessoas a se valorizarem por si, independentemente do que sejam, aparentam ou tenham, isso aumenta a probabilidade de diminuição da timidez”, conclui o psicólogo. Para tentar se livrar do problema , confira algumas dicas simples para colocar em prática no dia a dia.

VENÇA A TIMIDEZ

Para tentar se livrar do problema , confira 8 dicas simples para colocar em prática no dia a dia.

1. Separe um momento do dia para tomar a iniciativa e conversar com alguém que você se sente bem para falar sobre assuntos do seu interesse. Assim haverá mais conforto;

2. Pratique esportes coletivos. O trabalho em grupo ajuda no desenvolvimento das relações interpessoais;

3. Não se cobre tanto, nem fique pensando em cada palavra: permita que os erros e acertos sejam naturais;

4. Não se apegue aos julgamentos dos outros. Afinal, ninguém consegue agradar todo mundo;

5. Seja otimista;

6. Aceite elogios;

7. Acredite em si mesmo;

8. Use roupas, acessórios e cortes de cabelo cujo efeito seja positivo na sua autoestima.

LEIA TAMBÉM

Texto: Rafael de Toledo Edição: Angelo Matilha Cherubini

Consultorias: Galvão Bayard, psicólogo clínico, hipnoterapeuta e presidente do Instituto Milton H. Erickson de São Paulo (SP).

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.