ESTILO DE VIDA

Veja 5 passos para se concentrar melhor

Nem sempre se concentrar é uma tarefa fácil, principalmente na correria do dia a dia. Mas você pode treinar essa capacidade, veja como

None
FOTO: Shutterstock Images

por Redação Alto Astral
Publicado em 23/08/2016 às 19:42
Atualizado às 20:59

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Concentrar-se em determinadas atividades pode ser um exercício complicado para algumas pessoas no mundo de hoje, tão atarefado e cheio de correrias no dia a dia.

Voltar ao capítulo anterior porque se esqueceu do que acabou de ler, pedir para que o amigo repita o que disse, dificuldades para estudar e distrair-se facilmente enquanto está fazendo uma prova são sinais de que a concentração não vai tão bem assim.

Se você se identificou com uma dessas situações (ou várias), não se preocupe, pois possuir dificuldade para se concentrar é uma realidade de diversas pessoas – mas você pode adotar pequenas mudanças no seu cotidiano para se manter mais focado.

flecha-no-alvo-concentrar

FOTO: Shutterstock Images

1. Respeite seus momentos
“Se você está tentando se concentrar em algo e percebe que não está conseguindo de jeito nenhum, pare. Faça outra coisa, pense em outra coisa. Busque relaxar, e depois tente novamente”, aconselha o psicólogo Thiago Sant’Anna.

2. Conviva com as frustrações
Não obter sucesso em alguma atividade é uma realidade que deve ser aceita. Além de aprendermos com os erros, o pensamento positivo também tem efeito sobre a capacidade de foco.

3. Realize uma tarefa de cada vez
Ao realizar várias tarefas ao mesmo tempo, tendemos a prestar menos atenção e nos dedicar menos a cada uma delas. Prefira fazer uma coisa de cada vez, atingindo os objetivos esperados.

4. Alimente-se bem
Lembre-se de realizar intervalos entre as refeições principais e fazer pequenos lanches nesses intervalos. Estar bem alimentado faz com que sua mente não perca o foco se preocupando com a fome.

5. Pratique exercícios físicos
Praticar exercícios ajuda a diminuir o estresse e a ansiedade, além de ajudar a oxigenar o cérebro. Isso faz com que neurotransmissores sejam produzidos, auxiliando na tarefa de manter a concentração.

Saiba mais!

Concentração: como ficar longe das distrações?

Especial boa memória: hábitos saudáveis

Texto e entrevista: Jéssica Pirazza/Colaboradora – Edição: Giovane Rocha/Colaborador

Consultoria: Thiago Sant’Anna, psicólogo