ESTILO DE VIDA

5 dicas para você preparar uma salada perfeita

A salada pode ser feita com a mistura de legumes, verduras, frutas, proteínas... Descubra algumas técnicas que deixam sua refeição mais completa!

None
FOTO: Shutterstock Image

por Redação Alto Astral
Publicado em 15/08/2016 às 19:29
Atualizado às 21:00

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Preparar uma salada maravilhosa vai muito além de escolher o tipo de verdura. A grande variedade de ingredientes permite que diversos sabores, texturas e nutrientes se misturem.

Optando pelos alimentos certos, é possível consumir uma refeição nutricionalmente completa para colaborar com o emagrecimento saudável e auxiliar no combate às toxinas no organismo, responsáveis pelo envelhecimento celular. Confira dicas para acertar na hora de montar sua salada!

A salada pode conter carboidrato, mas dê preferência aos integrais

FOTO: Glow Images e Latinstock

Carne na salada é permitido?

Fontes de proteína, as carnes são importantes para o bom funcionamento do organismo. No entanto, alguns tipos e cortes são repletos de gordura. Entre frango, carne vermelha e peixe, fique com o último, que contém menos gordura, além de ser rico em substâncias importantes para o organismo, como ômega-3. Se optar pelo frango, evite cortes com pele. Já a carne vermelha deve ser magra, como patinho e maminha.

SAIBA MAIS:

Conheça os diferentes tipos de alface

Por que legumes e verduras não podem faltar na dieta?

Dicas para escolher legumes e verduras frescos

Carboidratos do bem

Ao levar carboidratos à salada, prefira os de tipo integral, que não são rapidamente digeridos pelo organismo e, por isso, não colaboram para picos de glicemia, por exemplo. “Os cereais refinados possuem mais calorias e açúcar do que os integrais. Já as fibras, em abundância nos integrais, ajudam a controlar a liberação de açúcar no sangue”, explica o nutrólogo Maximo Asinelli.

Prefira iogurte natural

Para salpicões, maioneses ou molhos em geral, o iogurte é o ideal para dar liga e cremosidade sem abrir mão da saúde, contendo nutrientes como cálcio e proteína, além de pouca gordura.

A salada é fonte de nutrientes e contém poucas calorias

FOTO: Shutterstock Image

Dê espaço para as ervas

Manjericão, cebolinha, salsinha, orégano, tomilho, alecrim… A lista é extensa e seus benefícios à saúde também. As ervas, quando frescas, têm poder medicinal e dão um sabor especial a qualquer receita.

Mel, frutas secas e oleaginosas

A salada recebe um toque adocicado com a adição de ingredientes como amêndoas, castanhas, mel  frurtas. Tais alimentos não precisam ser banidos das receitas, mas a alta concentração de açúcar e gordura exige que sejam consumidos com moderação.

Texto Paula Santana

Consultoria Maximo Asinelli, nutrólogo