Os 5 alimentos mais comentados quando o assunto é perder peso

Confira os 5 alimentos que, quando inseridos em uma alimentação saudável, ajudam a perder peso de forma efetiva, evitando o efeito sanfona

None
Foto iStock.com/Getty

por Redação Alto Astral
Publicado em 02/08/2016 às 18:09
Atualizado às 21:02

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Diversidade de alimentos é sinônimo de variedade de nutrientes. Frutas, verduras, leite e derivados, cereais integrais, carnes magras, leguminosas e aquele docinho – com moderação e em pequena quantidade -, são alguns dos alimentos que, de acordo com a nutricionista Patrícia Cruz, são indicados para integrarem o plano alimentar. A seguir, alimentos que estão ganhando o gosto – e promovendo a saúde – popular.

Dicas para evitar gripes e resfriados

Fonte: IStock

Arroz integral

Mais popular a cada dia, apresenta O tempo de preparo mais longo que o tradicional (branco) e textura mais firme. “É um tipo de arroz mais nutritivo por conta do processo de fabricação.

Ele tem a casca removida, mas mantém, no grão, uma película nutritiva”, indica a nutricionista Maria Fernanda Perez Kawabata. A profissional destaca, ainda, que, por isso, ele possui mais fibras e vitaminas e menos calorias e carboidratos que o tipo tradicional.

Chá verde

Um dos queridinhos do momento no quesito perda de peso saudável, ele apresenta uma substância chamada catequina, que fortalece o sistema imunológico, age contra o acúmulo de gordura corporal e possui ações anticancerígena, digestiva, antioxidante e energizante.

Além disso, o chá tem efeito termogênico, ou seja, acelera o metabolismo. “Algumas bebidas, como o chá verde, ajudam a aumentar a temperatura do corpo, e quanto maior a capacidade de produzir calor, mais calorias e quilos são gastos”, explica a nutróloga e médica ortomolecular Tamara Mazaracki.

Saiba mais:

Óleos antigabarriga: escolha o seu!

Temperos que substituem o sal

Conheça o caminho para alimentação saudável

Óleo de coco

É um dos alimentos mais comentados atualmente por poder ser utilizado tanto como tempero, em iogurtes e doces (se acrescentado à comida) quanto para a beleza do cabelo e da pele (se usado diretamente nessas regiões). No primeiro caso, é muito escolhido por acelerar o metabolismo.

“Como a gordura do óleo de coco não precisa de enzimas especiais para ser absorvida e transforma-se rapidamente em energia, não fica depositada no corpo. Por isso, é considerada termogênica e ajuda no emagrecimento”, esclarece a nutricionista Lilian Speziali. O cuidado deve ser quanto ao excesso, sendo o recomendado até 2 colheres (sopa) por dia, contando todos os outros tipos de óleos consumidos.

Chocolate amargo

Este tipo é o que concentra mais cacau e, por isso, abriga grande parte de seus nutrientes, como ferro, fósforo e vitaminas A, C, E e do complexo B. O chocolate amargo que apresenta pelo menos 70% de cacau na composição, é rico em polifenóis que combatem os radicais livres, prevenindo doenças cardiovasculares e até mesmo o câncer”, explica nutricionista Greice Caroline Baggio.

O alimento também atua nos níveis de serotonina e dopamina, neurotransmissores responsáveis pela sensação de bem-estar. Mas, atenção: consuma com moderação! Dois quadradinhos por dia garantem os benefícios e ajudam a matar a vontade de comer de doce.

Shutterstock Images

Gengibre

Boa opção para auxiliar na cura de gripes e resfriados, o gengibre é versátil e promove diversas vantagens à saúde. “Ele apresenta uma substância chamada gingerol, que tem propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias”, sintetiza a terapeuta homeopata Patrycya Henia Rigonato. E,  por ser termogênico, auxilia na perda de peso.

Ações anticoagulante, vasodilatadora, digestiva e analgésica são algumas outras atuações do alimento em prol da saúde. Gestantes e pessoas com hipertireodismo devem consultar um profissional antes da ingestão.
Texto Ana Beatriz Casali/Colaboradora

Consultoria Maria Fernanda Perez Kawabata, nutricionista; Tamara Mazaracki, nutróloga e médica ortomolecular; Lilian Speziali, nutricionista; Greice Caroline Baggio, nutricionista  Patrycya Henia Rigonato, terapeuta homeopata

ASSINE NOSSA NEWSLETTER