Ervas poderosas: veja os seus benefícios e aprenda a cultivá-las em casa

Veja algumas dicas de como cultivar plantas em casa sem ocupar muito espaço e confira os benefícios que as ervas trazem para a sua saúde.

ervas poderosas para cultivar em casa
Foto: iStock

Se você sempre quis ter uma horta em casa, mas acha que o lugar é pequeno, veja as dicas de como cultivar plantas sem ocupar muito espaço. Além de alimentos úteis na cozinha, você terá uma fonte de ervas que só fazem bem à sua saúde.

Algumas plantas podem ser cultivadas em apartamentos ou dentro de casa, como hortelã, cebolinha, salsa, menta, orégano, tomilho, manjericão, pimenta, coentro, etc. Já outras, são ideais para quintais e áreas externas: alecrim, boldo, erva-cidreira, capim-limão, camomila, salsão, sálvia, etc.

ervas poderosas para cultivar em casa

Foto: iStock

Como plantar

1 – Coloque argila expandida, ou pedra britada, ou pequenos pedaços de telhas no vaso ou jardineira.

2 – Depois, acrescente o substrato, que pode ser terra vegetal ou terra misturada com húmus.

3 – Se for plantar mudas ou ramos, faça um buraco com profundidade suficiente para comportar as raízes e parte do caule. No caso das sementes, é preciso fazer um buraco de aproximadamente 5cm, semear e cobrir com terra.

4 – Regue logo após o plantio, para que a terra fiquei úmida. Deixe o vaso em local arejado e que tenha boa iluminação.

LEIA TAMBÉM

Benefícios para a saúde

Alecrim: indicado para má digestão, tosse, bronquite, asma, reumatismo e problemas cardíacos.

Boldo: ideal para combater a ressaca, azia, má digestão e prisão de ventre.

Camomila: diminui a ansiedade, insônia, cólicas intestinais, dor de cabeça e má digestão.

Capim-limão: funciona como calmante, auxilia na digestão e elimina gases intestinais.

Erva-cidreira: atua contra o estresse, insônia, ansiedade, prisão de ventre, dor de cabeça, hipertensão, sintomas da TPM e indigestão.

Erva-doce: é boa para descongestionar os pulmões e combate inchaços, gases e intestino preso.

Hortelã: ajuda a expectoração, a circulação sanguínea e a atividade cerebral, além de amenizar bronquite, cólicas intestinais, mau hálito, gripe e febre.

Manjericão: auxilia a digestão das gorduras, combate dores reumáticas problemas respiratórios.

Salsa: dá mais força ao sistema imunológico, auxilia a circulação sanguínea, diminui a má digestão, a anemia e as cólicas abdominais.

 

Edição: Thomás Garcia/Colaborador | Design: Aline Barudi