Snapchat é acusado de yellowface: entenda o caso!

Um novo filtro do Snapchat causou polêmica na internet após ser acusado de Yellowface - racismo contra os asiáticos. Entenda melhor o caso

None

por Redação Alto Astral
Publicado em 12/08/2016 às 12:34
Atualizado às 12:34

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Um novo filtro do aplicativo Snapchat ficou no ar por menos de 48h e já gerou polêmica!

O filtro se tratava de uma destorção do rosto do usuário para uma caricatura com traços asiáticos – pele amarelada, olhos puxados, dentes grandes e um rosto arredondado.

Snapchat é acusado de racismo com filtro de YellowFace

Foto: Reprodução/Twitter

Entenda a problemática

Alguns usuários do aplicativo manifestaram em redes sociais, principalmente no Twitter, sua insatisfação com o filtro.

A problematização dos internautas foi a respeito da representação asiática caricata e que reforça esteriótipos racistas.

“Snapchat, quer me contar por que vocês pensaram que esse ‘yellowface’ era legal?, questionou a internauta no Twitter.

Como a prática começou

A prática do “Yellowface” começou com o cinema norte-americano, que representava os asiáticos sempre com uma mesma expressão e esteriótipos, representados por artistas brancos que eram caracterizados principalmente como japoneses e chineses.

O cinema não levava em consideração a variedade da cultura asiática e a possibilidade de contratação de atores de fato asiáticos.

Mickey Rooney Yellowface Bonequinha de Luxo

Foto: Reprodução

O ator americano Mickey Rooney, atuou no clássico “Bonequinha de Luxo” e usou da prática do yellowface para seu personagem.

A revolta na internet

A internet não se calou diante da ofensa e vários internautas relevantes questionaram o Snapchat sobre a criação do filtro.

A desenvolvedora de games, Brianna Wu, postou em sua conta no Twitter “Hey Snapchat, já que vocês estão sendo SUPER RACISTAS, tem algum plano para um filtro blackface?”

A prática do “blackface” também já foi muito criticada e consiste no mesmo problema do “yellowface”: a representação dos negros caricatos, em que atores se pintam de preto para representar personagens afro-americanos de forma exagerada.

A empresa Snapchat já foi também acusada de racismo depois de lançar um filtro do Bob Marley, cantor de reggae negro.

Snapchat foi acusado de blackface com filtro do Bob Marley

Foto: Reprodução/Twitter

Reação do Snapchat

A empresa não pediu desculpa para os usuários ofendidos, mas removeu o filtro. O Snapchat afirmou que o recurso dos filtros deve servir apenas para diversão.Os internautas comemoraram a remoção do filtro.

“Graças a Deus, Snapchat removeu o filtro racista ‘Yellow face’ depois das reclamações #Snapchat #Nãoélegal”, escreveu a blogueira americana Latrice Butts.

A empresa afirmou ainda que o filtro foi baseado em representações dos personagens asiáticos em quadrinhos e animações japoneses e que não teve a intenção de ofender nenhum usuário.

SAIBA MAIS

Famosos que farão você ter vontade de criar uma conta no Snapchat
Snapchat? Instagram cria opção semelhante à concorrente
9 motivos que comprovam que Viola Davis é maravilhosa

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.