A Praia do Forte é palco de aparições inexplicáveis: entenda!

Entre as riquezas naturais da Praia do Forte, no Balneário de Capri, desperta muita atenção as ruínas de um leprosário construído por D. Pedro II

None
FOTO: IStock/Getty Images

por Redação Alto Astral
Publicado em 16/09/2016 às 15:21
Atualizado às 18:30

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

São Francisco do Sul é uma das mais antigas cidades brasileiras – e, certamente, uma das mais belas. Entre as riquezas naturais da Praia do Forte, no Balneário de Capri, o que realmente chama a atenção são as ruínas de um leprosário que abrigava leprosos de todos os cantos do país, construído durante o reinado de D. Pedro II.

praia do forte assombrada

FOTO: IStock/Getty Images

Proibidos de receberem visitas, os internos viviam em condições sub-humanas. Como vingança, prometiam assolar a população local depois de mortos. E a maldição foi concretizada: as colunas remanescentes do antigo sanatório escondem aparições inexplicáveis de espectros humanos, os quais murmuram, lamentam e pedem ajuda. Isso sem falar no mal estar físico provocado em quem visita o local, como enjoos e dores de cabeça.

SAIBA MAIS

Assombração na igreja: a mulher conhecida como a Dama de Branco

Castelo de Edimburgo, o cartão postal assombrado da Escócia

As assombrações do Cemitério de Highgate, na Inglaterra

Texto: Redação

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.