Connect with us

O que você está procurando?

Alto Astral
Essa pode ser uma dentre tantas outras partes da Bíblia que gerou interpretações distintas, porém a discordância dura até os dias atuais. Conheça!
- FOTO: iStock/Getty Images

Conheça as palavras alvos de discordância da Bíblia

Essa pode ser uma dentre tantas outras partes da Bíblia que gerou interpretações distintas, porém a discordância dura até os dias atuais. Conheça!

[PAGE TITLE]

Mateus 16:18: “Tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja”.
Segundo o cientista da religião Pedro Lima Vasconcellos, essa pode ser uma dentre tantas outras partes da Bíblia que gerou interpretações distintas. De acordo com o especialista, as razões para diferentes leituras são muitas, os contextos em que são elaboradas, os interesses e os objetivos de quem o faz e também as diversas ideias que o texto deixa em aberto.

 

bíblia-discordência-óculos

FOTO: iStock/Getty Images

 

Pedro Lima Vasconcellos destaca que, apenas no que diz respeito à identidade dessa pedra sobre a qual Jesus edifica sua Igreja, existem pelo menos quatro entendimentos:

 

Para alguns (o teólogo Orígenes de Alexandria, do século III), a pedra seria cada cristão – uma interpretação mais mística, digamos assim, baseada no fato de que em outras passagens bíblicas ‘pedra’ é uma metáfora para designar uma pessoa cristã”, explica Pedro Lima Vasconcellos.

 

O profissional acrescenta que entre os séculos IV e VII predominou o entendimento de que a pedra seria a confissão de fé que Pedro faz, segundo o texto, de Jesus como filho de Deus. Essa percepção estava relacionada com as controvérsias pelas quais o Cristianismo passava na época, como aquelas que ocasionaram o concílio de Niceia (325) ou aquelas que sustentaram as polêmicas com o Islamismo nascente.

 

Concomitante à anterior se desenvolveu, especialmente no Ocidente, e por influência de S. Agostinho, o entendimento de que tal pedra só poderia ser o próprio Jesus (também se encontram na Bíblia passagens para sustentar essa associação); nenhum ser humano, em sua fraqueza e falibilidade, poderia sustentá-la, esclarece o especialista, que ainda complementa que essa foi a posição predominante em toda a Idade Média e se encontra hoje especialmente nas reflexões no mundo evangélico.

 

bíblia-cruz-discordância

FOTO: Shutterstock Images

 

Por último, o cientista da religião conclui que uma posição minoritária nos primeiros 1500 anos de história cristã tornou-se a posição quase ‘oficial’ no mundo católico: a pedra não é ninguém menos que o próprio Pedro (e aqueles reconhecidos como seus sucessores, os papas).

 

LEIA TAMBÉM

 

TEXTO: Érika Alfaro  EDIÇÃO: Nathália Piccoli

CONSULTORIA: Pedro Lima Vasconcellos, cientista da religião, especialista em pesquisas bíblicas e professor do Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal de Alagoas.

Advertisement
Advertisement

Mais notícias interessantes como essa

Estilo de vida

Na estação mais quente no ano é preciso tomar algumas precauções para não sofrer com as doenças de Verão! Confira quais são elas e como se cuidar!

Estilo de vida

Confira este projeto que procura otimizar áreas reduzidas ao máximo sem perder a beleza e a praticidade. Leia e saiba mais

Entretenimento

São tantas traduções, tantas interpretações, tantas metáforas... Mas o que realmente diz a Bíblia sobre casamento, álcool, educação entre outros?

Estilo de vida

Sadia e Perdigão, Itaú e Unibanco: a fusão ocorre quando dois negócios são unificados e seus patrimônios passam a integrar uma nova instituição! Entenda

Estilo de vida

Quando a memória não está funcionando como de costume, podemos ter medo de que algo mais grave venha a ocasionar esse quadro.

Estilo de vida

Segundo especialistas, não temos a habilidade de esquecer voluntariamente memórias, mas podemos ressignificá-las e buscar outra perspectiva.

Estilo de vida

Analisar a concorrência significa entender melhor o mercado de atuação da sua empresa. Confira estratégias para te ajudar nesse plano!

Entretenimento

O pai da psicanálise, Sigmund Freud, não era só adepto da cocaína como receitava a droga com fins terapêuticos para seus pacientes