Maria Ribeiro pede perdão à Eliane Giardini: “tinha pânico de te encontrar”

Com data de lançamento prevista para o próximo dia 8, o livro "Tudo o que eu queria dizer, mas só consegui escrevendo", produzido por Maria Ribeiro vai dar o que falar! Entre os 80 textos, Maria Ribeiro pede perdão à Eliane Giardini e Fátima Bernardes!

None
Foto: Reprodução/Instagram

por Redação Alto Astral
Publicado em 03/05/2018 às 10:31
Atualizado às 11:53

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

A atriz e jornalista Maria Ribeiro lavou a roupa suja enquanto escrevia o livro “Tudo o que eu queria dizer, mas só consegui escrevendo”. Com o lançamento agendado para o próximo dia 8, a obra contêm várias cartas destinadas a personalidades famosas, como seus ex-maridos Paulo Betti e Caio Blat. Dentre os 80 textos, Maria Ribeiro pede perdão à atriz Eliane Giardini, conhecida por interpretar a Nádia, em O Outro Lado do Paraíso.

Pra quem não sabe, Eliane Giardini foi casada com o ator Paulo Betti, com quem teve duas filhas. Com o término do relacionamento, o global se envolveu com Maria Ribeiro e teve outro filho.

Em uma carta intitulada como “Carta para Eliane Giardini”, Maria Ribeiro abre o coração: “eu achava que você me odiava. E eu, além do ciúme, tinha pânico de te encontrar na rua. Eu te achava foda e gata e uma puta atriz e uma mulher. Eu não me achava uma mulher de jeito nenhum. Não é que eu não me achasse. Eu não era”, escreveu a atriz.

Além disso, a ex-mulher de Caio Blat pediu desculpas à jornalista Fátima Bernardes. O motivo?  Em março de 2017, Maria foi convidada para o programa “Encontro” e acabou fazendo uns comentários pra lá de polêmicos: “ser hetero hoje em dia é muito cafona, o negócio é ser bi”, foi um deles. Como se não bastasse isso, a atriz tentou elogiar a apresentadora global, mas foi infeliz no comentário: “Depois que se separou, tá uma loucura”, disparou.

Com a consciência pesada, Maria Ribeiro pediu desculpas para Fátima em seu novo livro: “eu queria te pedir desculpas. Eu não queria ter sido invasiva. Eu não queria ter dito o que disse. Quer dizer, que eu até queria. Mas eu não podia. Eu não podia, perdão. A gente não é amiga. A gente não é colega. A gente não é nada. Não é porque eu fui encontrar no seu programa que se chama ‘Encontro’ que eu posso te dar um abraço no meio de uma sapataria”, finalizou.

Tá achando que só Maria Ribeiro pede perdão? Veja 8 motivos para perdoar aqueles que aprontaram com você:

LEIA TAMBÉM:

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.