Juscelino Kubitschek: desenvolvimento ou interesses americanos?

Um dos projetos de JK era o “rodoviarismo”, contudo, aponta-se que o ex-presidente acatou interesses americanos com a instalação de empresas de automóveis

None
FOO: WIkimedia Commons

por Redação Alto Astral
Publicado em 29/08/2016 às 15:11
Atualizado às 18:19

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Com o lema “50 anos em 5”, um dos grandes projetos nacionais do presidente Juscelino Kubitschek era o “rodoviarismo”. Sua propaganda política afirmava que mais rodovias e a priorização deste meio de transporte de cargas levaria desenvolvimento a eixos não tão centrais do país, além de integrar todas as suas regiões. Nunca a indústria automobilística, que representava intensamente interesses americanos, cresceu tanto quanto no governo JK.

juscelino kubitschek desenvolvimento interesses americanos

FOTO: WIkimedia Commons

Muitas pessoas apontam que JK acatou essa influência estrangeira, e o sistema rodoviário, obviamente, era o fator que mais os favorecia. Com a implantação desta política, o presidente abriu as portas para a instalação de empresas norte-americanas de automóveis no Brasil, sem contar os empréstimos de bancos de fora do país, que iniciaram a dívida externa brasileira.

SAIBA MAIS

Como Juscelino Kubitschek foi retratado na televisão e no cinema

40 anos da morte de Juscelino Kubitschek: uma biografia do ex-presidente

40 anos da morte de JK: o que foram os Anos Dourados?

Texto: Redação

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.