ENTRETENIMENTO

As reais intenções de Hitler e Stalin com o pacto de não-agressão

A Alemanha nazista e a socialista União Soviética uniram-se por meio do pacto de não-agressão. Mas, a intenção de Hitler e Stalin não era a paz! Entenda

None
FOTO: Belmonte/Reprodução

por Redação Alto Astral
Publicado em 23/08/2016 às 16:45
Atualizado às 18:14

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Depois da Alemanha nazista e da União Soviética socialista terem assinado o pacto de não-agressão, ou Ribbentrop-Molotov, ninguém entendeu nada. O que Hitler e Stalin estariam tramando? Dois governos que, embora semelhantes nas atitudes totalitárias, seguiam ideais políticos completamente opostos, agora estavam numa aliança.

Mas, na verdade, esse acordo escondia os reais objetivos dos dois líderes. Hitlerqueria mais era aplacar o conflito inevitável com a URSS. E, em relação a Stalin, pode-se dizer que as intenções também tinham muito disso : o comandante da União Soviética sabia que uma hora ou outra iria ter que bater de frente com as forças nazistas; com o pacto, ele teria um tempo melhor para se preparar ao mesmo tempo em que assistia de camarote Alemanha, França e Inglaterra se destruírem.

pacto de não-agressão Hitler e Stalin

Charge do cartunista Belmonte, pseudônimo de Benedito Bastos Barreto (FOTO: Belmonte/Reprodução)

Hitler não quis perder tempo e, pouco mais de uma semana depois de firmar o acordo com Stalin (em 23 de agosto de 1939, há exatos 77 anos), em 1º de setembro de 1939, invadiu a Polônia, acontecimento que foi o estopim da Segunda Guerra Mundial. O ditador da Alemanha sempre planejou a invasão, mas sabia que quem oferecia maior risco aos seus planos era a URSS. Com o acordo, o nazista começou a guerra de uma maneira mais “segura”. Stalin também consolidou, nesse momento, o domínio da sua metade na Polônia, mantendo a URSS neutra em relação à guerra.

Hitler e Stalin firmaram o pacto com ambições escusas, e o desenrolar dos fatos deixou isso bem claro. Saiba mais clicando aqui.

SAIBA MAIS

Stalin: ditador implacável

5 filmes de guerra aclamados pela crítica

Conheça a história de Adolf Hitler

Texto: Victor Santos Edição: Érika Alfaro