ENTRETENIMENTO

Henry Gustav Molaison: conheça a história do homem sem memória

O caso mais famoso de perda de memória na literatura médica conta a história de Henry Gustav Molaison, portador de uma doença rara.

None
Foto: Wikimedia Commons

por Redação Alto Astral
Publicado em 16/01/2017 às 09:44
Atualizado às 17:03

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

O caso mais famoso de perda de memória na literatura médica conta a história de Henry Gustav Molaison, mais conhecido apenas pelas siglas de seu nome: H.M. ou pela alcunha de “homem sem memória¨. Molaison tinha uma doença rara, uma grave amnésia anterógrada, causada por uma cirurgia para epilepsia, que retirou os dois lados de seu hipocampo. Quando ele tinha 27 anos, a epilepsia foi curada, mas Henri se deparou com um problema muito maior: o esquecimento. Como consequência da operação, Molaison passou a não ser mais capaz de se lembrar dos fatos que aconteciam em sua vida, mesmo sabendo exatamente todo o seu passado até o momento da cirurgia.

Cérebro, hipocampo, lobo frontal, molaison

Henry teve os dois lados do hipocampo retirados em uma cirurgia (Foto: Wikimedia Commons)

Por isso, ele acordava sempre imaginando ser um dia depois da operação, que ocorreu em 25 de agosto de 1953. Após o acontecimento, Henri foi voluntário de diversas pesquisas e se tornou o paciente de amnésia mais estudado da história da medicina. Ele faleceu em 2008 e seu cérebro foi doado para estudos no Instituto de Tecnologia de Massachusetts, onde foi fatiado e escaneado. Atualmente, há um mapa 3D do cérebro de Molaison em desenvolvimento, para colaborar com estudos futuros.

LEIA TAMBÉM

Texto: Redação Edição: Angelo Matilha Cherubini