Contradições podem prejudicar o diálogo e até a relação com as pessoas

Ter um discurso ambíguo e cair em contradições pode fazer com que você perca, além da credibilidade, a confiança de seu interlocutor

None
Ao conversar com alguém, a honestidade e a transparência devem ficar em evidência, para que você possa ganhar a credibilidade do próximo, estabelecendo com ele uma relação de confiança que facilitará a aceitação de seu discurso. FOTO: Reprodução/Viniciu...

por Redação Alto Astral
Publicado em 17/10/2016 às 19:40
Atualizado às 18:43

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Quando conversamos com alguém, fazemos isso com a intenção de nos aproximarmos da pessoa ou com o intuito de convencê-la de alguma ideia. Contudo, há alguns fatores que podem influenciar negativamente no diálogo. Cair em contradições, por exemplo, seja no próprio discurso ou na relação entre o que falamos e a forma como agimos, pode afastar o interlocutor e ainda prejudicar a nossa credibilidade.

Confiança é tudo!

Discursos contraditórios, além de não convencerem, prejudicam a confiança que o nosso interlocutor depositará em nós e em nossos argumentos. “Quando agimos de forma diferente daquilo que pregamos, ou quando nos comunicamos de forma dúbia, dizendo ‘não’ com um tom na fala que pode significar ‘sim’, por exemplo, abrimos espaço para que as pessoas duvidem da real intenção, o que abala a credibilidade”, explica Marcelo Katayama, médico terapeuta e instrutor do Núcleo Ser.

homem, terno, figas, mentindo

Atitudes e discursos contraditórios passam a impressão de falsidade ao interlocutor, que pode perder a confiança em quem está lhe dirigindo a palavra. FOTO: Reprodução/Shutterstock Images

Segundo ele, a credibilidade é um fator decisivo na hora de tentar convencer alguém, e é algo que se constrói aos poucos, a partir de um relacionamento claro, honesto e sincero com nosso interlocutor. “Quando agimos de forma coerente, ou seja, alinhados com nosso discurso, geramos substrato real para que as pessoas nos percebam como indivíduos em quem podem acreditar”, explica Katayama.

mulher, casal, mãos dadas, sorrindo

Ao conversar com alguém, a honestidade e a transparência devem ficar em evidência, para que você possa ganhar a credibilidade do próximo, estabelecendo com ele uma relação de confiança que facilitará a aceitação de seu discurso. FOTO: Reprodução/Vinicius Tupinamba e Shutterstock.com

LEIA TAMBÉM

Texto: João Paulo Fernandes Consultoria: Marcelo Katayama, médico terapeuta e instrutor do Núcleo Ser