Relembre os casais homossexuais que marcaram a TV

A cena de hoje em "Liberdade, Liberdade" promete mostrar a primeira cena de sexo gay da TV brasileira. Relembre casais homossexuais que marcaram época!

None
André e Tolentino em Liberdade, Liberdade

por Redação Alto Astral
Publicado em 12/07/2016 às 18:09
Atualizado às 15:07

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Os atores Ricardo Pereira e Caio Blat vão protagonizar hoje, pela primeira vez na teledramaturgia brasileira, uma cena de sexo entre dois homens, em “Liberdade, Liberdade“. O coronel Tolentino (Ricardo) e André (Caio) estarão um pouco alcoolizados e, no clima de romance discreto em que os dois vem vivendo, começam a falar sobre a amizade que nutrem um pelo outro, até que o lance começa a esquentar.

André e Tolentino em Liberdade, Liberdade

Reprodução/Globo

Segundo o autor, a cena não será explícita, mas “intensa, com direito a beijo na boca”. O momento já está sendo aguardado com ansiedade pelo ator Ricardo Pereira, que acredita que será muito importante para a sua carreira e também para a TV brasileira.

Mas não foram só os dois que protagonizaram grandes casais homossexuais nas telinhas. Outros atores também deram vida a romances entre gays e lésbicas, mostrando que todo amor vale a pena. Relembre!

1. Estela e Teresa, em ‘Babilônia’ (2015)

O relacionamento entre Estela (Nathalia Timberg) e Teresa (Fernanda Montenegro) gerou enorme repercussão e polêmica ao mostrar um casal de mulheres que já estavam juntas há mais de 30 anos, e que criavam o neto de Estela, Rafael (Chay Suede), que era órfão. O menino chamava as duas de “mãe” e juntos o três formavam uma linda família!

Estela e Teresa

2. Claudio e Leonardo, em ‘Império’ (2014)

O autor de Império, Aguinaldo Silva, não economizou nos personagens polêmicos e complexos. Para a novela, ele escreveu três personagens gays: Téo (Paulo Betti), Cláudio Bolgari (José Mayer) e Leonardo (Klebber Toledo). Enfrentando muito preconceito da família, o casal Cláudio e Léo termina junto no final.

Cláudio e Leonardo

3. Clara e Marina, em ‘Em Família’ (2014)

Clara (Giovanna Antonelli) e Marina (Tainá Müller) formaram o primeiro casal homossexual protagonista na televisão brasileira. Para viver esse romance, tiveram que enfrentar muitos problemas, incluindo a rejeição do público, que apostava no relacionamento entre Clara e Cadu (Reynaldo Gianecchini). Mas o amor entre as duas prevaleceu, e em pouco tempo viraram queridinhas nas redes sociais.

Clara e Marina

4. Félix e Niko, em ‘Amor à Vida’ (2013)

Félix (Mateus Solano) começou como um vilão ao mesmo tempo amado e odiado pelo público. Protagonistas do primeiro beijo gay da Globo, ele e Niko(Thiago Fragoso) conquistaram a torcida dos telespectadores para que ficassem juntos, gerando uma ansiedade imensa pela famosa cena do beijo entre os dois, que só aconteceu no último capítulo.

Félix e Niko

5. Julinho e Osmar, em ‘TiTiTi’ (2010)

Os fofos Julinho (André Arteche) e Osmar (Gustavo Leão) viveram um romance cheio de carinho e afeto, o que fez muitas pessoas torcerem pelo relacionamento dos dois. Mas o casal teve que suportar várias cenas de preconceito, sofrido em especial por causa da família de Osmar. O público também sofreu com a morte dele, em um acidente de carro. Mas no fim da trama, Julinho reencontra a felicidade com o surfista Thales (Armando Babaioff).

Julinho e Osmar

6. Junior e Zeca, em ‘América’ (2005)

Junior (Bruno Gagliasso) teve que passar por inúmeras dificuldades, por ter o sonho de ser estilista ao invés de virar um fazendeiro, como queria a família. Como se não bastasse, ele viveu um casamento de fachada, foi abandonado pela noiva e até começou outro relacionamento com uma mulher para não ser descoberto como gay. No final, ele encontra o verdadeiro amor nos braços de Zeca (Erom Cordeiro). A cena do beijo entre os dois chegou a ser gravada, mas na época, foi vetada pela direção da Globo.

Júnior e Zeca

7. Eleonora e Jenifer, em ‘Senhora do Destino’ (2004)

O relacionamento entre Jenifer (Bárbara Borges) e a médica Eleonora (Mylla Christie) passou por altos e baixos, além de inúmeros preconceitos: desde a dificuldade de Jenifer em assumir sua sexualidade até a resistência de familiares. Mas as duas passam por tudo isso juntas e até fazem a adoção de uma criança, incitando um debate sobre a adoção por casais homoafetivos.

Eleonora e Jenifer

8. Rodrigo e Tiago, em ‘Paraíso Tropical’ (2007)

A novela escrita por Gilberto Braga mostrou o relacionamento de Rodrigo (Carlos Casagrande) e Tiago (Sérgio Abreu) de uma forma supernatural. Os dois, que trabalhavam juntos, ganharam bastante o público, embora raramente aparecessem em momentos de intimidade ou em beijos discretos.

Rodrigo e Tiago

9. Clara e Rafaela, em ‘Mulheres Apaixonadas’ (2003)

Ambas estudantes da mesma escola, Clara (Alinne Moraes) e Rafaela (Paula Picarelli) descobriram um grande amor juntas! Elas enfrentaram diversos preconceitos e ataques de ódio, como na famosa cena em que Paulinha (Ana Roberta Gualda) xinga Clara de ‘sapatona’, gerando uma enorme briga – e logo depois, um ensinamento lindo da professora Helena (Cristiane Torloni). As duas vencem todos os obstáculos para ficarem juntas, e no último capítulo, rola até um selinho apaixonado.

Clara e Rafaela

10. Rafaela e Leila, em ‘Torre de Babel’ (1998)

As empresárias Rafaela (Christiane Torloni) e Leila (Silvia Pfeifer) foram retratadas pelo escritor Silvio de Abreu da forma mais realista possível, mas o casal não agradou ao público. Somado ao excesso de violência, a novela acabou sendo bastante criticada. O casal acaba morrendo na famosa explosão do Shopping Center.

Rafaela e Leila

11. Marcela e Luciana, em ‘Amor e Revolução’ (2011)

É da novela Amor e Revolução, passada no SBT, o título de primeiro beijo gay da história das telenovelas. As atrizes Luciana Vendramini (Marcela) e Giselle Tigre (Luciana) protagonizaram a cena. Na trama, as duas eram amigas e trabalhavam em um jornal. Com o envolvimento, ficam até o final do folhetim juntas!

Relembre os casais homossexuais que marcaram a TV

12. Laís e Cecília, em ‘Vale Tudo’ (1988)

A novela de Gilberto Braga mostrou o casal Laís e Cecília, interpretado por Cristina Prochaska e Lala Deheinzelin, e deu muito o que falar! Longe de estereótipos, as duas foram retratas de forma bem realista, mas o autor teve que vetar diversas cenas entre as atrizes para que a novela fosse ao ar.

Laís e Cecília

Fotos: Reprodução/Globo/SBT

SAIBA MAIS
9 novelas que merecem reprise em Vale a Pena Ver de Novo

5 novelas mexicanas que foram verdadeiros fenômenos

8 motivos para assistir a nova novela Escrava Mãe

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.