Buddy Valastro mostra o seu carinho pelo Brasil: “Os competidores brasileiros são os melhores do mundo”

O confeiteiro mais famoso do mundo, Buddy Valastro veio ao Brasil para gravar a final de seu programa, "Batalha dos Confeiteiros". E contou um pouco

None
Foto: Reprodução/Instagram

por Redação Alto Astral
Publicado em 26/09/2017 às 16:08
Atualizado às 16:08

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Um dos confeiteiros mais famosos do mundo, Buddy Valastro faz sucesso no Brasil por conta do programa Batalha dos Confeiteiros. Seu reality na versão norte-americana está presente em 220 países e foi traduzido para 45 idiomas diferentes. Nosso país, no entanto, é o único no globo que recebeu sua própria versão, transmitida pela Record. E isso tem uma explicação: Buddy ama o Brasil.

Em entrevista ao Portal Alto Astral durante sua passagem pelo Brasil, ele contou mais sobre essa relação com o povo brasileiro. “Toda vez que venho para cá as pessoas me fazem sentir tão bem acomodado e amado que é como se fosse minha segunda casa”, disse o confeiteiro que agradece muito aos fãs pelo reconhecimento. E falando em reconhecimento, o programa gravado aqui não faz parte apenas dos que são destaque na América Latina, mas também em países do continente africano.

A segunda temporada promete muitas novidades em relação aos participantes e ao cenário. Desta vez, a cozinha está maior e os competidores vieram de toda parte do Brasil para mostrar a diversidade cultural do país. E, aos participantes, Buddy fez um grande elogio. “Os competidores brasileiros são os melhores do mundo não apenas pela habilidade, mas por serem pessoas verdadeiras”, ressaltou o confeiteiro. Para ele, essa grande identificação acontece porque seus telespectadores também sentem que ele é uma pessoa real e que preza muito pela família.

E é por isso que para ele seus programas fazem tanto sucesso pelo mundo inteiro, pois para Buddy a família é o valor mais importante da vida. “Quem assiste se identifica, porque quem não tem uma irmã maluca também como eu?”, brincou relembrando suas irmãs, que aparecem nos episódios retratando a relação fraternal que existe em toda família. Além delas, Buddy compartilha com os fãs seu grande amor pelos filhos e pela esposa. “Ficar 20 dias longe deles é o que está sendo mais difícil”, confessa o confeiteiro, que desta vez não trouxe os filhos por conta do início das aulas.

O resultado desse esforço poderá ser conferido na segunda quinzena de janeiro do ano que vem. Enquanto isso não acontece, você pode conferir um pouco mais da entrevista e do que vai rolar na “Batalha dos Confeiteiros” a seguir!

Gostou de ficar sabendo mais sobre o Buddy Valastro e a segunda temporada de seu reality? Então compartilha com os amigos e com a gente nos comentários o que achou.

Edição: Nataly Paschoal e Brenda Prestes

LEIA TAMBÉM:

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.