Como divulgar seu negócio na internet para as vendas decolarem

Confira as dicas do especialista e descubra o que fazer para o seu negócio bombar na internet! Com divulgação você pode lucrar muito mais com seus produtos

Facebook, instagram, youtube, google
Para que o seu negócio seja um sucesso, não basta fazer produtos com qualidade e esteticamente bonitos, é preciso também saber vendê-los e fazer com que o público conheça o seu serviço. De acordo com Bruno Marcondes Machado, sócio-proprietário da agência de publicidade digital Indexnet, hoje em dia, ter uma página em alguma rede social ou um site é algo básico, não é nenhum diferencial. É quase obrigatório, independente do tamanho do negócio”, conta.

Como começar?

A forma mais prática de dar o pontapé inicial é criar uma página no Facebook. “Lá, você pode colocar as suas informações, o serviço que você oferece, além de fotos do trabalho que está sendo executado” diz Bruno. Através da rede social, é possível dar visibilidade ao seu negócio e tornar-se conhecida pelo público. “É comum que as pessoas criem o perfil como usuário no Facebook, mas isso é errado. O correto é você fazer uma página corporativa, pois desta forma você não terá um limite de curtidores. No caso do perfil como usuário, o limite é de 5.000 amigos”, explica.

 

Facebook, instagram, youtube, google

FOTO: Shutterstock

Vale a pena investir na criação de um site?

Sim! Atualmente, é possível criar um site com ferramentas gratuitas ou de baixo custo mesmo sem ter o conhecimento técnico necessário. A desvantagem, entretanto, é que o seu portfólio pode acabar ficando com uma aparência mais amadora. Se a intenção for criar algo mais elaborado, é vantajoso contratar uma agência de publicidade ou alguém capacitado para fazer o serviço, mesmo que o seu negócio seja pequeno. Para Bruno, “um site bem feito mostra aos clientes que você teve um investimento naquilo e que o seu trabalho é profissional”. O sócio-proprietário afirma ainda que o valor do serviço vai depender da necessidade de cada cliente, como, por exemplo, se ele vai querer só uma logomarca ou toda a identidade visual, cartões de visita, etc.

O cliente come primeiro com os olhos

Seja no Facebook ou no site, é importante fazer testes de publicação, para ver com o que o público mais se identifica. Se o seu trabalho for a venda de bolos, preste atenção, por exemplo, se o resultado de postar a foto de um bolo pronto é o mesmo do que postar um passo a passo da produção.
Quanto mais curtidas, comentários e compartilhamentos, mais sucesso o seu produto está fazendo! Falando em foto, é essencial também tirar boas fotografias para aguçar a vontade de quem está lendo, principalmente quando se trabalha na área alimentícia. “Uma foto mal batida, com baixa iluminação, tira um pouco do desejo de comprar o produto”, diz Bruno. A dica é apostar em áreas limpas, de preferência com fundo branco, para valorizar os seus quitutes.

 

Homem com celular, fazendo foto no bolo

FOTO: Shutterstock

Para sua postagem ser um sucesso!

Uma publicação bem-sucedida depende de diversos fatores, sendo que o principal deles é saber conversar com o seu público. Segundo o sócio-proprietário da Indexnet, “você precisa entender quem são os consumidores dos seus produtos e falar na linguagem certa para eles”. Além disso, é preciso gerar interação com os clientes, ou seja, você precisa curtir e responder os comentários e mensagens privadas o mais rápido possível. Assim, o público sente que você está disposta a atendê-lo com dedicação.
Os melhores dias e horários para fazer as publicações vão depender do segmento em que você atua. Porém, em geral, aos finais de semana e no período noturno a visibilidade é maior, pois é o momento que as pessoas estão mais ociosas e acabam passando mais tempo na internet. O conselho que Bruno dá é pensar na qualidade das postagens e não na quantidade. “Não adianta, de repente, postar coisas novas todos os dias e não interagir com os clientes”, orienta.
LEIA TAMBÉM
 Consultoria: Bruno Marcondes Machado, da Indexnet | Texto: Juliana Garcia | Edição: Lirian Pádua