Dicas práticas para você melhorar o raciocínio lógico

Existem diversas capacidades cognitivas que são muito importantes para realização de tarefas no dia a dia, como o raciocínio lógico. Confira 4 dicas infalíveis para você aprimorar sua lógica!

A foto mostra uma mulher observando as contas em uma lousa, treinando seu raciocínio lógico
Por Isabela Zamboni - 08/03/2018

Foto: Shutterstock.com

Você já deve ter ouvido falar que nunca é tarde para aprender algo ou que não existe idade para começar uma atividade nova, certo? Mas como isso é possível? De acordo com o neurologista Leandro Teles, o aprendizado está ligado ao raciocínio lógico, que pode ser desenvolvido durante a vida toda.

“O raciocínio lógico é o raciocínio sequencial. É o tipo mais usado e importante de raciocínio. Ele amadurece com as associações mentais. A taxa de erro do raciocínio lógico é baixa. Com ele podemos resolver dilemas do dia a dia e questionamentos maiores”, explica.

Sempre em desenvolvimento

Segundo o neurologista, é possível aprender até o último segundo de vida, pois nosso cérebro não tem prazo de validade para o aprendizado e desenvolvimento da lógica: “Aprendemos do nascimento até morte. Evidentemente, o processo se modifica um pouco durante a vida. Por questões anatômicas, hormonais, motivacionais e mesmo socioculturais existem variações ao longo da vida, mas, em termos de potencial, o cérebro mantém sua capacidade de desenvolvimento”, pontua.

De acordo com Leandro Teles, não existe um limite de aprendizagem. “Sempre nos deparamos com exemplos de novas habilidades mentais e físicas em todas as idades, gerações e momentos da história humana”, diz. A seguir, confira quatro dicas para colocar em prática no dia a dia e ter um raciocínio lógico desenvolvido

LEIA TAMBÉM

Texto: Redação Alto Astral – Edição: Giovane Rocha

Consultoria: Leandro Teles, neurologista (www.leandroteles.com.br)