Descubra quais as funções dos carboidratos no corpo humano

Os carboidratos andam sendo substituídos nos cardápios de quem quer perder peso. Porém, antes deste decisão, conheça também seus benefícios.

Pães, macarrão
Foto shutterstock.om

Formados por moléculas de carbono, hidrogênio e oxigênio, os carboidratos são os responsáveis por fornecer energia ao corpo. Armazenados no fígado, nos músculos (glicogênio) e no sangue (glicose), eles ainda desempenham outras funções no organismo. No entanto, o excesso do nutriente na dieta pode trazer alguns malefícios à saúde, como o aumento do peso e o descontrole da glicemia, no caso dos diabéticos. Consumir ou não carboidratos deve ser uma decisão estudada com o auxílio de uma nutricionista, que vai passar o cardápio ideal para cada tipo de pessoa.

 

médico e paciente

Foto Glow Images/Latinstock

 

No corpo

Os carboidratos, quando convertidos em glicose (açúcar) no organismo, são responsáveis por regular o metabolismo proteico, ou seja, uma quantidade adequada do nutriente no corpo impede que as proteínas se tornem a segunda opção para produzir energia, mantendo-as nas suas principais funções, que é a de construir os tecidos. Os carboidratos ainda são fundamentais para o funcionamento do sistema nervoso central, isso porque a glicose é o principal combustível para o cérebro, sendo responsável pela integridade funcional dos tecidos nervosos.

 

Pães, macarrão

Foto shutterstock.om

 

Onde encontrá-los?

São ricos em carboidratos alimentos como pães, massas, batatas e arroz. O indicado é consumi-los em todas as refeições. Desta forma, em uma alimentação equilibrada, eles devem estar presentes entre seis e 11 porções ao dia. A maioria dos alimentos contém carboidratos, alguns em grandes quantidades, outros nem tanto.

Sem excessos

Apesar de serem essenciais para a produção de energia no corpo, os carboidratos em demasia podem gerar sérios problemas à saúde, tais como aumento do peso, do colesterol e da glicemia, podendo desencadear o diabetes. O excesso do nutriente ainda tende a proporcionar outros malefícios ao bem-estar.

 

alimentos integrais

FOTO: Shutterstock

 

Trocas benéficas

Quem busca por emagrecimento e quer ganhar mais saúde deve apostar no consumo de alimentos integrais. Eles possuem quase as mesmas quantidades de calorias que os refinados, no entanto, dão um show quando o assunto é a quantidade de fibras. “Elas são importantes na alimentação porque aceleram a passagem dos produtos residuais do organismo, absorvem substâncias perigosas (toxinas) e mantêm o tubo digestivo saudável”, conta a nutricionista Elaine Pádua.

Saiba mais: 

10 dicas sobre como cuidar da saúde dos olhos

Ansiedade pode ser diagnosticada com teste de saliva

Psicoterapia: o que a técnica pode fazer por você

Consultoria Elaine Pádua, nutricionista