Cravo-da-índia: é analgésico, estimulante sexual e protege o estômago

Você sabia que os benefícios do cravo-da-índia vão muito além da culinária? Aqui você vai aprender para que ele serve e quais são as suas propriedades!

um punhado de cravo-da-índia sobre uma superfície.
O cravo-da-índia oferece diversos benefícios à saúde, além de ser estimulante sexual. Foto: Shutterstock

O cravo-da-índia (Eugenia caryophyllata)  foi trazido da Ásia pelos portugueses e se adaptou bem ao clima brasileiro, já que precisa de umidade e calor para se desenvolver. Utilizado na culinária por causa de seu sabor característico, ele também auxilia na digestão, controla a diarreia, é estimulante sexual e protege o estômago de diversas doenças. “O cravo aquece o organismo, provoca a sudorese, tira o mau hálito, melhora a digestão e a circulação do sangue. É um poderoso bactericida e fungicida”, completa o especialista em medicina complementar e fitoterapia José Bassit. Do cravo, ainda são extraídos óleos essenciais com diversas propriedades medicinais.

Opções de consumo

Não é difícil aproveitar todos os benefícios que o cravo-da-índia pode oferecer. Basta um pouco de criatividade! “Pode-se colocar cravo-da-índia em doces (abóbora, arroz-doce, etc.) ou então optar por um chá, feito com 3 unidades e 1 xícara (chá) de água bem quente”, ressalta José Bassit. Coloque o cravo-da-índia em uma xícara (chá), despeje a água fervente e abafe por 5 minutos. Coe, adoce com mel a gosto e tome até 2 vezes ao dia.

Atenção!

Por estimular as contrações uterinas, gestantes devem evitar consumir doses elevadas de cravo-da-índia.

doce de abóbora com cravos-da-índia, colocado em uma tigela transparente.

O cravo-da-índia também pode ser utilizado na culinária. No doce de abóbora ele fica uma delícia! Foto: Stela Handa | Produção: Stela Handa/Maria Olinda Cabral

Óleos essenciais

Do cravo-da-índia são extraídos óleos essenciais com propriedades medicinais. Dentre as que mais se destacam estão a analgésica, recomendada em casos de cáries dentárias; antisséptica, em aftas e feridas infectadas; e vermífuga. Os óleos atuam ainda na eliminação de fungos e bactérias, no fortalecimento do sistema imunológico, no combate aos radicais livres, responsáveis pelo envelhecimento precoce das células, e como protetores do fígado.

Chá com cravo-da-índia para naúseas

Ingredientes: ❖ 1 colher (chá) de cravo-da-índia ❖ 1 colher (café) de canela em pó ❖ 2 copos (250ml cada) de água

Modo de preparo: leve todos os ingredientes para ferver por 15 minutos. Coe e tome 1 xícara (café) de 2 em 2 horas, até melhorar.

Chá com cravo-da-índia para inflamação na garganta e rouquidão

Ingredientes: ❖ 4 dentes de alho picados ❖ 1 canela em pau ❖ 1 colher (café) de cravo-da-índia ❖ 1 colher (sopa) de mel ❖ 1 copo (250ml) de água

Modo de preparo: leve a água para ferver. Desligue, adicione as ervas e deixe descansar por 10 minutos. Coe e faça gargarejo com o chá morno, 4 vezes ao dia.

Consultoria: José Bassit, especialista em medicina complementar e fitoterapia.

 

LEIA TAMBÉM: