Você come por compulsão ou fome? Faça o teste!

Não conseguir se controlar diante da comida pode ser um indício de compulsão alimentar. Está com dúvida se pode ser o seu caso? Faça o teste abaixo!

mulher comendo doce
Foto Shutterstock.com

Não conseguir se controlar diante da comida pode ser um indício de compulsão alimentar. Mas além desse, outros fatores também podem indicar o problema. Está com dúvida se pode ser o seu caso? Faça o teste abaixo! Mas, atenção: somente um profissional pode dar o diagnóstico correto.

mulher comendo doce

Foto Shutterstock.com

Teste:

1. Você considera que comer é um dos prazeres da vida? ( )Sim ( )Não

2. Somente para de comer quando está passando mal? ( )Sim ( )Não

3. Costuma descontar suas emoções na comida? ( )Sim ( )Não

4. Na hora de comer, o mais importante é o sabor do alimento, independente do número de calorias? ( )Sim ( )Não

5. Você acabou de almoçar e seu amigo te oferece um pastel. Você aceita, mesmo sem fome? ( )Sim ( )Não

6. Fazer as refeições sozinha, para ninguém reparar que você come rápido, é um hábito bastante comum? ( )Sim ( )Não

7. Você mastiga pouco os alimentos antes de engolir? ( )Sim ( )Não

8. Durante a noite, é normal você fazer um ‘lanchinho’? ( )Sim ( )Não

9. Você ainda está almoçando, mas já imagina o que vai comer na janta? ( )Sim ( )Não

10. Quando não tem o que fazer, come para passar o tempo? ( )Sim ( )Não

Resultado:

Maioria “Sim”: é sinal de que você pode sofrer de compulsão alimentar. Ou seja, é comum comer mais por prazer do que por necessidade, sendo que, às vezes, perde o controle em relação à comida. É interessante procurar mais informações com um profissional qualificado. Mas, fique calma, pois esse teste não tem validade científica, sendo apenas uma forma de ficar atento a possíveis sintomas da doença.

Maioria “Não”: seus hábitos não indicam que você apresenta esse distúrbio alimentar. Tem dias em que você come um pouco mais do que deveria, mas isso é completamente normal. Afinal, não é pecado descarregar as emoções na comida, desde que isso seja algo pouco comum. Só fique atenta para que esse comportamento não influencie no seu peso e, acima de tudo, na sua saúde.